Economia

Foto: Imagem ilustrativa/da web

Na pesquisa que mede o índice de confiança do empresário do comércio em Palmas (Icec) foi constatado no mês de outubro, o mesmo índice do mês de setembro, 119,5 pontos. A pesquisa é realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em parceria com a Fecomércio Tocantins. Os dados foram colhidos nos últimos dez dias do mês de setembro e foram entrevistadas 120 empresas na Capital.

Segundo os entrevistados, sobre o cenário em outubro, 36,8% consideram que a economia piorou muito, 35,4% acreditam que o setor de comércio melhorou pouco e 40,1% que sua empresa melhorou pouco. Com relação à expectativa para os próximos meses, os dados mostram que 36,8% pensam que a economia no país melhorará pouco, assim como os 43% que apontam que o setor melhorará pouco. Já a maioria dos empresários (50,5%) acredita que nos próximos meses sua empresa melhorará muito.

Como é o caso do empresário, Vitor Boillet, que tem uma empresa de serviços do ramo de logística em Palmas. Segundo ele, durante esse período há um aumento em seu faturamento. “De certo modo no final de ano sempre acontece um aumento natural no volume de serviços, a partir da segunda quinzena de Setembro e vai até a primeira quinzena de Dezembro. Meus clientes são do e-commerce e eles têm sempre um aumento de vendas nessa época do ano”.

O empresário disse ainda que irá fazer contratações temporárias para o final de ano. “Devo contratar de 3 a 4 novos funcionários para atender a demanda desse período”, disse. Na ICEC, 62,7% afirmou que irão aumentar pouco o número de funcionários. Sobre o investimento em suas empresas, os entrevistados disseram que haverá um investimento um pouco maior. 59,3% acreditam que o nível de seu estoque está adequado para o período. (Ascom Fecomércio)

Por: Redação

Tags: Fecomércio, Vitor Boillet