Cultura

Foto: Divulgação

O Teatro Sesc Palmas recebe, no próximo sábado, dia 22, às 20h, o Concertos Sesc Partituras, com apresentações do Grupo Palmas-Música e da Orquestra Sinfônica dos Girassóis. O evento, em comemoração ao Dia do Músico acontecerá, simultaneamente, em 23 estados brasileiros. A entrada é franca. 

No repertório do Grupo Palmas-Música, estão partituras de Abner Jorge (1982) “Primavera Chegou”, e Tó Teixeira (1895-1982), “Lágrimas Saudosas”; e “Coração que Sente”. “Polca para Mão Esquerda”, “Saudades dos Pagos”, “A Florista”, e “Cinco Peças para Piano”, de Ernesto Nazareth (1863-1934). E ainda “Coração Indeciso”, e “Trovas”, de Alberto Nepomuceno (1864-1920).

A Orquestra Sinfônica dos Girassóis apresentará “Concertino para Sax Tenor Solo e Orquestra”, de Bruno Barreto (1986); “Adágio para Orquestra de Cordas”, de Alberto Nepomuceno; e “1º Padre Nosso”, de Glauco Velásquez (1884-1914).

Grupo Palmas-Música

Formado em 2007, o Grupo Palmas Música existe há sete anos em Palmas, e se denomina um coletivo de intérpretes e compositores que atua em iniciativas de formação de plateia, criação e difusão de repertório de tradição escrita. O elenco é composto pelos músicos:  Abner Jorge – composição e violão; Aline Martins – pianista; Helena Zica – cantora soprano; Bruno Barreto – saxofone; Heitor Oliveira – composição e clarinete; Mira Benvenuto – flauta. 

Atualmente, o Grupo trabalha a construção de um repertório de música de câmera, baseado na música brasileira contemporânea para solistas e duos. Para Aline Martins, o Projeto Concertos Sesc Partituras é de extrema importância para a música brasileira. “Este evento é muito importante, pois acontece em vários estados do país e fortalece a divulgação do acervo de partituras com músicas nacionais”, revelou a musicista. 

Orquestra Sinfônica dos Girassóis

A Orquestra Sinfônica dos Girassóis é composta por jovens com idade entre 12 e 25 anos, matriculados em instituições formais de ensino. A direção musical é do musicista, Bruno Barreto. O grupo é um projeto de Extensão e Cultura desenvolvido pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Educação. 

Os músicos que integram a Orquestra são: Gustavo Modesto (spalla), Jhorgenes Dias, Felipe Eduardo, Helâine Santos e Daniel Brandão – violino I; Anderson Martins, Beatriz Silva, Lya Roberta Prehl, Marcelo Santos, Pedro Henrique e Raul Denner – violino II; Ana Maria Alves, Laryssa Aires, e Líbia Soares – viola; Dionisson Marcos e Maria Helena Lopes – violoncelo; Antônio Ribeiro e Felipe Araújo – contrabaixo; Dayanny Paiva e Thiago Moura – flauta transversal; Herllon Mota – oboé; Gutenberg Nicacio e Gabriel Souza – clarineta; Kaike Castro – fagote; Wilton Monteiro – trompa; Matheus Silva – trompete; Weliton Dourado – trombone; Lucas Evangelista – tuba; e Matheus Lopes – percussão. 

De acordo com solista Bruno Barreto, o Concertos Sesc Partituras é um evento que reforça a existência de grupos instrumentais tocantinenses. “Considerando que no Tocantins a política cultural voltada para a área da música, mais especificamente para o fomento da instrumental, é bem elementar. Por isso, a iniciativa do Sesc é interessante porque respalda a importância de termos grupos musicais deste segmento no Estado”, afirmou Barreto. 

Sesc Partituras

Iniciado em 2007, o Sesc Partituras é uma biblioteca digital que tem como meta a preservação, a difusão e a democratização o acesso ao patrimônio musical do Brasil. Sem fins lucrativos, o projeto atua por meio da disponibilização de partituras digitalizadas e editoradas.

Contemplando obras de compositores brasileiros de várias gerações, desde tempos coloniais até os dias atuais, o Sesc Partituras torna-se um imprescindível suporte para músicos, estudantes e pesquisadores. No site, que apresenta um eficiente sistema de busca, é possível visualizar e imprimir todas as obras catalogadas. E grande parte do acervo pode ser ouvido. (Ascom Sesc)

Por: Redação

Tags: Agenda Cultural, Sesc