Saúde

Foto: Divulgação

Dia 25 de Novembro é comemorado em todo o Brasil o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue, no Tocantins, unidades da Hemorrede vão comemorar esta data com um evento que busca homenagear essas pessoas que dedicam um pouco de seu tempo para ajudar a salvar vidas. 

As comemorações começam nesta sexta-feira, 21, na cidade de Augustinópolis com sorteio de brindes e um almoço para os doadores no clube da Maçonaria. Os doadores da cidade serão homenageados ainda com um café da manhã na terça-feira, 25, na Unidade de Coleta.

Em Palmas, a festa acontecerá no sábado, 22, no estacionamento do Hemocentro Coordenador, a partir das 8h30 e segue até o meio dia. Na programação haverá café da manhã, sorteio de brindes, apresentações musicais e de dança com grupo de Hip Hop. Além disso, pessoas que precisaram de sangue farão depoimentos agradecendo o gesto de solidariedade dos doadores.

Em Araguaína a homenagem será na terça, 25, com um café da manhã para os doadores.

A gerente da área de Captação de Doadores do Hemocentro Coordenador de Palmas, Denis Rodrigues, destaca a importância do doador de sangue “quando falamos de sangue não falamos de uma medicação qualquer que pode ser receitada e comprada, o sangue só pode ser doado e dependemos de cada um para podermos fornecer aos nossos pacientes o sangue que eles tanto necessitam”.

Segundo Denis, no Tocantins o percentual de doadores ainda não condiz com a orientação do Ministério da Saúde, que preconiza que se tenha um total de 2% da população doando, “hoje estamos atendendo a demanda, porém quando se pensa no aumento da população, aumento no número de acidentes, aumento no número de cirurgias e o expressivo número de pacientes com patologias que tem no sangue a sua única medicação, ainda precisamos aumentar esse número para maior segurança dos nossos pacientes, precisamos que a população do Tocantins se conscientize e venha nos ajudar nessa batalha de amor e solidariedade ao próximo” ressaltou.

Para a gerente, essa data é uma celebração pelos milhares de doadores que disponibilizam do seu tempo para ajudar pessoas que não conhecem com um gesto de amor na sua forma mais simples, o de se doar para alguém. “Para nós da Hemorrede os nossos doadores são fontes vitais para a continuação do nosso trabalho e por isso comemoramos e os homenageamos pois com a ajuda de cada um a nossa rede de sangue se torna cada dia mais forte”.

Denis aproveita a oportunidade para convida aqueles que ainda não fazem parte dessa corrente do bem, para que compareçam a uma das unidades de coleta da Hemorrede para se tornar mais um nessa luta pela vida.

Quem Pode Doar

Pessoas com idade entre 16 e 69 anos, que pesem acima de 50 kg e estejam em bom estado de saúde. Menores de idade precisam estar acompanhados pelo responsável legal, que devem também apresentar documento e assinar um termo de consentimento. A idade limite para primeira doação é 60 anos.

Além disso, os candidatos devem apresentar documento com foto emitido por órgão oficial e válido em todo território nacional.

Para o dia da doação o candidato não pode estar em jejum, deve ter repousado por pelo menos seis horas na noite anterior, não pode ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores e evitar fumar por duas horas antes da coleta.

Onde doar

A Hemorrede do Tocantins conta um Hemocentro Coordenador, localizado em Palmas; um Hemocentro Regional, em Araguaína; um Núcleo de Hemoterapia em Gurupi; e uma Unidade Móvel. Além de três unidades de coletas e transfusão, sendo uma no Hospital Geral de Palmas, outra em Porto Nacional e a terceira em Augustinópolis.

Para mais informações acesse o site da Hemorrede: www.saude.to.gov.br/hemoto . (Ascom Sesau)