Estado

Foto: Imagem ilustrativa/da web

O Juizado da Infância e Juventude da Comarca de Araguaína dá início nesta terça-feira (25/11) à segunda edição do Curso Psicossocial e Jurídico aos Postulantes à Adoção de crianças e adolescentes. O evento segue até esta quinta, 27, no auditório do Ministério Público do Tocantins na cidade, sempre das 14h às 18h.

A preparação psicossocial e jurídica é obrigatória para todas as pessoas e casais inscritos no cadastro de adoção, conforme a Lei 12.010/2009. O objetivo do curso é esclarecer dúvidas sobre adoção, ampliar as concepções a respeito do perfil da criança desejada, o incentivo a se considerar também as crianças com idade acima do perfil estabelecido no cadastro nacional e estabelecer uma relação de proximidade com a equipe técnica responsável pelo acompanhamento dos processos.

A assistente social Kátia Menezes integra a equipe que ministrará o curso e diz que durante o estudo, os técnicos terão condições de conceber características comportamentais dos participantes, bem como contribuir com a aplicação dos conhecimentos dos candidatos em relação ao tema adoção, como as questões legais e dinâmica familiar.

Kátia ressalta ainda outro ponto importante quando se trata de adoção. “O curso ainda permite refletir sobre a adoção tardia e inter-racial, a fim de possibilitar maiores condições para que crianças com mais de 3 anos possam também ter a oportunidade de possuir uma família”, afirmou a assistente social.

O curso é oferecido semestralmente às pessoas e/ou casais que buscam habilitação para adoção. Os interessados devem procurar o Juizado da Infância e Juventude de Araguaína.