Estado

Foto: Claudemir Brito

O trecho que liga Porto Nacional a Brejinho de Nazaré, na TO-070, está cada vez mais deteriorado. Sendo alvo de outras reclamações, o trecho corriqueiramente recebe serviço de tapa buracos, no entanto, os viajantes que por ali passam confirmam a não solução do problema.  

Aquele que passa pelo percurso constata a precariedade e desnível em diversos períodos do trecho, provocando estremecimento em todo o veículo e quem nele consta. Manobras arriscadas colocam em risco a vida dos viajantes e, inclusive, em determinados locais, o motorista deve diminuir a velocidade do veículo a passos de tartaruga para que consiga seguir viagem. A dificuldade de trafegabilidade acarreta, inclusive, prejuízos financeiros. 

Agetrans

Contatada pelo Conexão Tocantins, a Agência de Máquinas e Transporte (Agetrans) informou que neste ano foram realizadas as operações de tapa buracos no trecho e citou que a reconstrução do pavimento e revitalização, horizontal e vertical está em processo licitatório. Enquanto isso, segundo a Agetrans, a manutenção e trafegabilidade será mantida através da manutenção da rodovia pela residência da Agetrans, de Porto Nacional.  

Matérias relacionadas 

O Ministério Público Estadual (MPE) já cobrou através de duas ações civis públicas com pedido de liminar, que o Estado fosse obrigado a promover a devida manutenção das rodovias estaduais em Porto Nacional e Ponte Alta. 

No ano passado, 2013, motoristas reclamaram ao Conexão Tocantins a situação precária da rodovia.