Economia

Foto: Valério Zelaya

Faltando 24 dias para o Natal as compras de final de ano já movimentam o comércio da Capital, sendo que os últimos dias de novembro foram considerados, por alguns comerciantes, os melhores do ano em vendas. A movimentação é reflexo do adiantamento salarial e de 13º e também da decoração natalina da Capital.

Mesmo sem ainda dispor de números, o Presidente da Associação Comercial e Industrial de Palmas (Acipa), Fabiano do Vale, explica que o aumento na movimentação no comércio da Capital já é visível. “Novembro foi um mês muito bom, os comerciantes estão satisfeitos e com boas expectativas para este fim de ano”, afirmou.

Ainda segundo Vale, a decoração natalina de Palmas ajuda no aumento da movimentação comercial uma vez que as pessoas estão permanecendo  e consumindo na cidade. “A cidade está movimentada, são pessoas não só daqui, mas das cidades vizinhas, que vêm visitar e estão acreditando no nosso comércio”, observa.

“Com a antecipação do 13º por alguns órgãos públicos e empresas privadas  e a realização da Black Friday nós tivemos as melhores vendas de 2014”, informou Daniel Pereira de Abrantes,  gerente de uma loja de eletrodomésticos da Avenida JK,  ao frisar que a expectativa em relação ao mesmo período de 2014 foi superada em 50%.  

Gerente de uma loja de roupas e calçados, Antônio de Paula, diz que o aumento nas vendas ocorreu mais para compras à vista,  e que a expectativa é de que as vendas aumentem até o final do mês. “Os últimos dias de novembro nos surpreenderam, mas os clientes estão mantendo um padrão de compras à vista, acreditamos que até o final de dezembro teremos  vendas ainda melhores”, disse.

Pesquisa

Segundo pesquisa, realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em parceria com o Portal de Educação Financeira Meu Bolso Feliz, oito em cada dez brasileiros (82%) devem gastar todo o décimo terceiro salário em compras de Natal.

A pesquisa foi realizada com 624 consumidores nas 27 capitais brasileiras. A margem de erro é de no máximo 3,7 pontos percentuais. O resultado mostra que 55% dos entrevistados utilizariam uma parte do 13º para compras de Natal, 27% gastariam todo o montante em compras e apenas 18% não devem gastar o dinheiro com presentes. (Secom Palmas)

Por: Redação

Tags: Antônio de Paula, Fabiano do Vale