Polí­tica

Foto: Divulgação

No próximo dia 09 será realizada uma audiência pública requerida pela deputada federal professora Dorinha Seabra Rezende (DEM/TO) para tratar do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil – Proinfância.

O objetivo, segundo a deputada, é debater sobre a educação infantil, conhecer os avanços do programa e o trabalho que vem sendo feito nessa etapa fundamental de ensino e especialmente no que diz respeito à carreira e salário dos trabalhadores de creches e a construção dos centros educacionais infantis. Quando o Proinfância foi lançado pelo Governo Federal, a meta era construir seis mil creches em todo País, mas não foi cumprida.

“Existe um grave problema em relação aos trabalhadores da educação infantil. Eles têm as mesmas responsabilidades e deveres dos educadores, mas ainda não têm os mesmos direitos e carreira. Muitos são concursados do período em que as creches eram somente da área social, mas hoje em dia cumprem papel diferenciado. Como o Governo Federal está cuidando dessa causa? Afinal essas pessoas também são educadoras”, disse.

A democrata lembrou ainda que tem um projeto de lei (PL 3137/12) de sua autoria tramitando na Casa de Leis que suprime o termo “creche” por todo caráter assistencial que esse nome tem, sendo incompatível com o papel que o sistema educacional tem que cumprir.

Foram convidados para a audiência Romeu Caputo, Presidente do Fundo Nacional de Desenolvimento da Educação;Paulo Ziulkoski, Presidente da Confederação Nacional de Municípios; Creuza Rodrigues Repulho, Presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação; e Mariete Félix Rosa, do Comitê Diretivo do Movimento Interfóruns de Educação Infantil do Brasil – Representante da Região Centro-Oeste.