Polí­cia

Foto: Divulgação

O Comandante Geral da Polícia Militar, Luiz Claudio Benício foi convocado pelo governador Sandoval Cardoso (SD) para retornar ao serviço ativo e encerrar seu trabalho à frente do Comando Geral apenas no final do mandato do atual governo que se encerra dia 31 deste mês. Como o Conexão Tocantins noticiou essa semana Benício teve a aposentadoria concedida pelo Instituto de Gestão Previdenciária – Igeprev.

Nos bastidores seguem muitas informações de que deputados estaduais da base do governo teriam pedido e indicado alguns militares para serem promovidos. Cópia de ofícios que teriam sido encaminhados chegou a circular nas redes sociais inclusive com assinatura de alguns políticos aliados do governo como o ex-vice-governador João Oliveira (DEM).

Procurado pelo Conexão Tocantins o Comando da PM afirmou que não tem nenhuma informação se acontecerá ou não as promoções. O atual efetivo da PM é de 4.804 policiais. No dia 20 de novembro deste ano foram promovidos milhares de policiais pelos critérios de antiguidade e merecimento.