Estado

Foto: Divulgação Adão, de vermelho ao lado do secretário Buti, compôs equipe de transição Adão, de vermelho ao lado do secretário Buti, compôs equipe de transição

O professor da Universidade Federal do Tocantins e membro da comissão de transição do governador Marcelo Miranda, Adão Francisco de Oliveira é o nome cogitado para assumir o comando da Secretaria Estadual da Educação. Mila Jaber tinha sido indicada para o cargo porém em razão de questões pessoais não assumirá a vaga.

Adão é também dos quadros do PT e tem vasta experiência na área da Educação. O nome dele é defendido ainda por membros do Sindicato dos Trabalhadores em Educação –Sintet, que é comandado por José Roque. " Adão é da área, tem conhecimento e pode melhorar a Educação", disse o presidente que informou ainda que na segunda-feira, 5, o Sindicato vai se reunir para reafirmar tal posição. "É um nome bem melhor do que foi cogitado", disse.

O nome de Adão está sendo avaliado pelo governador Marcelo Miranda (PMDB) que tomará a decisão final e pode anunciá-lo no máximo até a segunda-feira, 5.

Se Adão for confirmado aumenta a representatividade dos petistas na Administração Estadual que já tem indicados também Gleide Braga para a Defesa Social, George Brito, Ciência e Tecnologia e ainda outros nomes como o Superintendente da Habitação, Milne Freitas.