Estado

Foto: Divulgação

O ex-secretário de Segurança Pública, José Eliú Jurubeba justificou o valor de R$ 200 mil que recebeu no mês de novembro do governo anterior. Segundo o ex-secretário,os valores se referem á indenização por aposentadoria.

“Os valores que se encontram no Portal da Transparência, dizem respeito à indenização por ocasião da minha aposentadoria, referente a 13 férias não gozadas e convocadas, cada uma em torno de vinte dois mil reais, que são quitadas ao servidor quando ocorre o processo de aposentadoria. Destaque, dentre as férias que foram pagas no expediente tratado, algumas foram legalmente convocadas pelo atual Governador de Estado, Marcelo Miranda. A forma como se deu é, rotineira na Secad, inclusive todos os demais colegas, que ocupam o mesmo cargo e estavam em situação semelhante, o procedimento foi o mesmo”, explicou..

Ele comentou ainda que “faz-se necessário esclarecer tais insinuações pertinentes a minha pessoa, haja vista que sempre primei pela seriedade, compromisso com a legalidade e respeito ao povo, no desempenhar das minhas funções. Não iria manchar uma reputação construída em mais de vinte anos de serviços prestados a sociedade tocantinense”, disse. Ele é concursado como Policial civil do Estado.

O ex-secretário disse ainda: “Desejo boa sorte ao novo Governo e rogo para que não se repitam circunstâncias como essa”, afirmou.

Por: Redação

Tags: Eliú Jurubeba