Estado

Foto: Divulgação

Durante Sessão Solene realizada na tarde desta segunda-feira (2/2), no salão do Tribunal Pleno, foi empossada a nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins (TJTO). A cúpula, que atuará no biênio 2015/2017, é capitaneada  pelo desembargador Ronaldo Eurípedes, presidente da Corte, tendo ainda os desembargadores Luiz Aparecido Gadotti, vice-presidente; Eurípedes Lamounier, corregedor geral de Justiça; Maysa Vendramini Rosal, vice-corregedora; Marco Antony Villas Boas, diretor geral da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (Esmat); e Helvécio de Brito Maia Neto, diretor geral Adjunto da Esmat. A solenidade foi prestigiada por autoridades, como o governador Marcelo Miranda, magistrados, servidores, integrantes do Sistema de Justiça e familiares dos empossados.  

Em seu discurso o novo presidente agradeceu a confiança depositada tanto pela classe dos advogados, ao indicá-lo em lista sêxtupla pelo Quinto Constitucional, tanto pela Corte do Judiciário ao elegê-lo presidente durante o próximo biênio. "Tenho plena consciência de que ser escolhido por tantas pessoas de inquestionável competência acresce em minha missão uma responsabilidade muito grande. E eu assumo essa responsabilidade    com a energia de um homem que veio ao Tocantins como tantos outros, motivado por sonhos, pelo vigor da juventude e, principalmente, orientado pelo Espírito Santo e pelos valores da minha família", afirmou.

O desembargador Ronaldo Eurípedes, ao falar de sua gestão, disse que dará continuidade ao trabalho visando a melhoria da prestação jurisdicional. "A celeridade no julgamento dos processos que tanto avançou, precisa evoluir ainda mais. É preciso reconhecer que a justiça palpável ao cidadão é aquela que se apresenta na sala de audiência, lá no fórum, no 1º Grau, onde toda a esperança de solução do conflito é depositada. Por isso, meu enorme respeito aos magistrados e magistradas de 1ª Instância, verdadeiros agentes de transformação social. Sei que muito foi feito. Sei que muito ainda há por fazer", declarou.

O novo presidente vem em sucessão a gestão da desembargadora Ângela Prudente, que à frente da presidência do TJ focou sua atuação priorizando o 1º Grau de Jurisdição. Durante a solenidade um vídeo relatório apresentou os principais avanços do Poder Judiciário nos últimos dois anos, como a inauguração de sete fóruns, reformas e os números alcançados pelo Núcleo de Apoio às Comarcas - Nacom, criado pela então presidente. "Hoje entregamos o Relatório de Atividades do Biênio 2013/2015, que além de um dever regimental, representa o meu dever pessoal em transferir ao domínio público um detalhamento das ações desenvolvidas durante a Gestão, e que, resumidamente, foram apresentadas no vídeo", ressaltou a desembargadora.

Durante seu discurso a magistrada ainda acrescentou, "agora, a gestão foi alcançada pelo tempo e concluo com a certeza de ter contribuído para o fortalecimento do primeiro grau de jurisdição. ficam as ações e as realizações, foi uma honra ter dirigido, por dois anos, esta casa. guardarei na memória o trabalho, a gratificação pessoal e as conquistas profissionais que experimentei". 

A magistrada ainda foi agraciada com placas de  homenagens  pelo presidente do Sindicato dos Serventuários e Servidores da Justiça do Estado do Tocantins, Janivaldo Ribeiro Nunes e pelo presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça e Avaliadores do Estado  do Tocantins.  

A gestão da nova Mesa Diretora do TJTO foi abençoada pelo Dom Adair José Guimarães,  bispo da Diocese de Rubiataba, Goiás, amigo pessoal do presidente Ronaldo Eurípedes. Durante o momento devocional o Bispo rogou à Deus que garanta sabedoria e bênçãos na condução dos trabalhos do Poder Judiciário.   

O presidente da Associação dos Magistrados do Tocantins,  Roniclay Alves de Morais falou em nome da magistratura, agradeceu o empenho da desembargadora Ângela Prudente. "Desembargadora, o discurso da sua posse não ficou só no papel, a senhora periodizou a Justiça de 1º Grau do primeiro ao último dia de sua gestão. Os magistrados reconhecem seu empenho". Já ao presidente empossado reafirmou à confiança a nova gestão. "desembargador Ronaldo sua competência, o seu jeito de tocar as coisas garantirão o sucesso dessa gestão, peço ao nosso Deus e a Nossa Senhora que o senhor seja muito feliz ". 

A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Tocantins, se manifestou por meio das palavras do presidente  Epitácio Brandão. "Esperamos para o ano de 2015 que o bom diálogo hoje existente entre a advocacia e Poder Judiciário seja fortalecido. A importância do Quinto Constitucional aqui se reforça ao assumir a presidência o desembargador Ronaldo Eurípedes, o primeiro desembargador oriundo da nossa classe, por nós indicados conforme a lei. Com a sua posse nos sentimos muito honrados, nos sentindo partícipes da sua gestão".

Os cumprimentos ao novo presidente do Tribunal de Justiça também foram feitos publicamente pelo prefeito de Palmas, Carlos Amastha, que ressaltou a manutenção da parceria do Município com o Poder Judiciário.

A solenidade foi encerrada ao som de Genésio Tocantins, com os acordes do músico Manoel Cirqueira.    

Mesa de Honra

A Mesa de Honra da solenidade foi composta pelo presidente empossado do TJ, desembargador Ronaldo Eurípedes;  desembargadora Ângela Prudente; governador Marcelo Miranda; presidente da Assembleia Legislativa, deputado Osires Damaso; procurador geral de justiça, Clenan Renaut de Melo Pereira; prefeito de Palmas, Carlos Amastha; arcebispo de Palmas, Dom Pedro Brito Guimarães; presidente do Tribunal de Contas, conselheiro Manoel Pires; presidente da OAB-TO, Epitácio Brandão Lopes; defensor público geral, Marlon Costa Luz Amorim; e pelos membros do Tribunal Pleno, desembargadores  José de Moura Filho; Luiz Gadotti, vice-presidente; Marco Villas Boas, diretor geral da Esmat; Jacqueline Adorno,  presidente do TRE; Eurípedes Lamounier, corregedor geral de Justiça; Helvécio de Brito Maia Neto, diretor Adjunto da Esmat; Maysa Vendramini Rosal, vice-corregedora geral de Justiça.

Dispositivo de Honra  

Já o Dispositivo de Honra foi composto pela vice-governadora do Estado, Cláudia Lélis; desembargador Sebastião Ribeiro Martins,  corregedor geral de justiça do TJPI;  desembargadora Nelma Perillo, corregedora geral do TJGO; desembargador Romeu Gonzaga Neiva, corregedor do TJDF; desembargador Luiz Mendonça, presidente eleito do TJSE; João Everardo Matos Bierman,  juiz da corregedoria do TJCE; desembargadores aposentados Daniel Negry; juízes convocados do TJTO João Rigo Guimarães; Adelina Gurak; e Célia Regina Régis,presidente da Asmeto, juiz Roniclay Alves Morais; presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (Asmego), Gilmar Luiz Coelho: deputado federal Roberto Balestra (Goiás); capitão-de-corveta Jorge Ferreira,  representando a Capitania dos Portos do Araguaia - Tocantins; coronel Cláudio Alexandre de Almeida, comandante do 22° Batalhão de Infantaria do Exército; Almir Clementino Soares, representando a superintendência da Polícia Federal; juíza federal Denise Drumond , diretora do Foro da Justiça Federal; Dom Adair José Guimarães,  Bispo da Diocese de Rubiataba, Goiás; João Gabriel Morais de Queiroz, procurador chefe da Procuradoria da República no Tocantins; Coronel Glauber de Oliveira, comandante da PM-TO; Vinícius Coelho,  presidente da Associação Tocantinense dos Advogados; conselheiros do TCE José Wagner Praxedes; Napoleão Sobrinho; e André Matos; procuradora geral de Contas, Litza Gonçalves.