Cultura

Foto: Elias Oliveira

O vibrar das cores. Essa é a percepção dos que entram na Seduc - Secretaria Estadual da Educação - e se deparam com a exposição Educar Arte do mês de fevereiro. As cores quentes e os traços marcantes em tinta a óleo fazem parte do trabalho da servidora pública Sâmia Maria Carvalho de Macedo.

As artes plásticas entraram na vida de Sâmia como uma forma de aliviar as tensões do dia-a-dia. Para a servidora expor suas telas foi uma surpresa: “Nunca passou pela minha cabeça que ira ter minhas obras expostas, a intenção sempre foi de um hobbie particular e também uma forma de presentear os amigos”.

A exposição será composta por telas com o colorido das flores e também com a releitura de obras contemporâneas. O intuito da artista que tem como referência o pernambucano Romero Brito é “despertar emoções” por meio de suas telas.

A curadoria das exposições do projeto Educar Arte é feita por Joel de Assis, que além de servidor público é renomado artista plástico tocantinense, “O projeto pretende que cada mês um funcionário da Seduc possa expor suas obras no hall de entrada da secretaria” declarou um dos idealizadores do projeto.

O Educar Arte tem o intuito de fomentar os talentos dos servidores públicos do quadro da Educação além de proporcionar um ambiente de integração institucional. Durante 30 dias o funcionário poderá expor sua obra artística por meio de uma intervenção no hall de entrada da Seduc. O projeto que foi iniciado em meados de agosto e setembro de 2014 já recebeu fotografias, esculturas e pinturas em geral. Artistas convidados também poderão participar da exposição de maneira esporádica.

Perfil da artista:

Sâmia Maria Carvalho de Macedo é graduada em Letras pela Universidade Estadual do Ceará e Pós Graduada em Língua Portuguesa e Gestão Escolar. Atua como educadora na rede Estadual de Ensino há 20 anos. Atualmente é técnica da Educação Básica. Aprecia as diversas manifestações artísticas, mas em especial as artes plásticas. (Ascom / Seduc)