Economia

Foto: Divulgação

O Diretor-Superintendente do Sebrae Tocantins, Omar Hennemann, se reuniu na manhã desta quarta-feira, dia 11, com a diretora-Técnica do Sebrae Nacional, Heloísa Regina Guimarães de Menezes. Na reunião, se discutiu a iniciativa do Sebrae Tocantins da realização da Feira Internacional do Artesanato Indígena. Esse é um projeto desenvolvido pelo Sebrae Tocantins, que contará com a parceria da Prefeitura de Palmas, pois será realizada em conjunto com os Jogos Mundiais Indígenas, marcados para serem realizados em setembro deste ano na Capital.

“Um estudo feito pelo Sebrae Nacional identificou que o artesanato brasileiro que mais atrai o turista vindo de outros países é o indígena. Pensando nisso, vimos nos Jogos Mundiais Indígenas uma excelente oportunidade de geração de negócios e movimentação da economia com a criação da Feira Internacional de Artesanato Indígena”, explica Omar Hennemann.

Para discutir o assunto, Hennemann, o diretor-técnico do Sebrae Tocantins, Higino Piti e o diretor de Administração e Finanças, Jarbas Meurer, estiveram com o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, na última terça-feira para tratar do projeto e de outras parcerias, com a realização da Festival Gastronômico de Taquaruçu. Este projeto, também foi discutido por Omar Hennemann com a diretora-técnica do Sebrae Nacional, assim como a parceria do Sebrae Tocantins com as Exposições Agropecuárias no Estado.

“O Sebrae apoiará todos os projetos que contribuam para a geração e o desenvolvimento dos pequenos negócios”, afirma Heloísa Regina Guimarães de Menezes.

Para Omar Hennemann, o Tocantins está entrando num novo ciclo de desenvolvimento e o Sebrae está atento e atuante nesse sentido. “O Sebrae vai fazer a diferença, com os parceiros certos e com os mesmos objetivos, nos tornando muito mais fortes. Estou muito motivado com as ótimas possibilidades de avanço neste que é o primeiro dos próximos 25 anos. O Tocantins tem pressa e o Sebrae vai ajudar a acelerar o desenvolvimento do nosso Estado”, finaliza Hennemann.