Turismo & Lazer

Foto: Emerson Silva

O Jalapão é um dos principais roteiros para quem pratica o ecoturismo e o turismo de aventura e destino certo para muita diversão e adrenalina no feriado prolongado do Carnaval. Um paraíso de águas cristalinas, corredeiras, grandes chapadas e formações rochosas de cores e formas variadas, tudo isso misturado a dunas de areias alaranjadas, cachoeiras e uma paisagem de tirar o fôlego.

Com um roteiro tão diversificado, os turistas estão cada vez mais visitando a região e nesse carnaval não será diferente. Os hotéis e pousadas já registram um grande número de reservas e a comunidade local se prepara para receber os visitantes que vêm de diversas partes do Brasil.

Os hotéis de Mateiros, por exemplo, município onde os turistas encontram estrutura para descanso e comida após os longos passeios pelo cerrado e onde está a maior parte dos atrativos turísticos, já estão com lotação esgotada.

Os proprietários comemoram a alta procura de mais um ano e se preparam para receber turistas ávidos por sol e água fresca. “Desde dezembro que estamos trabalhando com a pousada lotada e para o carnaval não temos mais vaga alguma. Na verdade, um mês antes da folia já estávamos com nossa capacidade esgotada”, declara a proprietária da pousada e restaurante Panela de Ferro, Josinete Tartilas, que há 17 anos mora e trabalha no Jalapão.

E quem também fatura nessa época são os proprietários de camping que, com uma estrutura para montagem de barracas e com abundância de espaço e paisagem convidativa, oferecem ao turista uma estadia econômica.

Em Mateiros, o proprietário do camping Beira da Mata, Emival Rufo, se prepara para receber turistas que ficarão acampados na sua propriedade. “No ano passado coloquei no camping 180 barracas e para este ano já tenho esse número de reservas, mas a capacidade é para 250. Então, ainda posso receber pessoas interessadas em acampar e desfrutar de toda natureza do Jalapão”, explica o empresário, que chega a cobrar por dia R$ 70 por pessoa, o que inclui duas refeições e acesso a banheiros.

A secretária de Meio Ambiente e Turismo da cidade, Ana Cláudia Pereira, diz que Mateiros tem 244 vagas em pousadas, mas que a procura está tão grande para o feriado que os moradores estão saindo de suas casas para poder alugar o imóvel para os turistas. “A cada ano, nos surpreendemos com um número de visitantes no carnaval e este ano não está diferente”, diz a secretária, que  lembra que Mateiros possui, desde 2013, um centro de exposição e formação turística que oferece apoio ao turista com guias treinados para os passeios na região.

“Nos últimos dois anos recebemos, somente nesta época do carnaval, para visitação nas dunas, mais de mil e duzentos turistas. Para este ano, acreditamos que iremos receber um número ainda maior de visitantes”, diz a secretária.

 Com tanta gente visitando a região, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) alerta para a preservação e cuidado para visita aos atrativos e reforça que o trabalho de fiscalização é realizado permanente na região do Jalapão. “Equipes serão enviadas da Capital com o objetivo de fortalecer os trabalhos de orientação ao turista e coibir possíveis práticas de crimes ambientais. Tal reforço visa atender à grande quantidade de turistas que procuram a região no feriado, com atenção especial aos destinos mais procurados ”, diz o presidente do Naturatins, Ricardo Fava, que garante uma fiscalização intensa este ano.

 Desenvolvimento

De acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Eudoro Pedroza, o Governo vai fortalecer a região e transformar o potencial turístico do Estado em produtos competitivos, garantindo a sustentabilidade e consolidando o turismo como importante instrumento de desenvolvimento social, econômico, cultural e ambiental. “Vamos inserir as comunidades locais no processo de desenvolvimento da cadeia produtiva do turismo, por meio da estruturação das atividades associadas como: gastronomia, artesanato, manifestações culturais. Daremos atenção especial à revitalização e ao melhoramento da infraestrutura dos atrativos turísticos nas regiões do Jalapão e Cantão”, destacou o gestor.

Natural da região do Jalapão, Pedroza recomenda o ingresso das belezas do local na rota dos turistas e também chama atenção para preservação do local. “Depois que você chega ao Jalapão, tem a oportunidade de ver paisagens únicas. São vários atrativos: rios de águas potáveis, fervedouros, a catedral. O Jalapão é um lugar do qual temos que nos orgulhar e temos que preservar para que nossos filhos e netos também possam apreciar as belezas dessa região”, reforçou.

Como chegar ao Jalapão

O Jalapão ocupa uma área de 34 mil km² na região centro-leste do Tocantins, fazendo fronteira com Bahia, Piauí e Maranhão. A principal porta de entrada da região é Ponte Alta do Tocantins, que está a 190 km de Palmas. O acesso é por estrada asfaltada.

 Grande parte dos atrativos está em torno do povoado de Mateiros, a 160 km de Ponte Alta. Os povoados de Ponte Alta e São Félix do Tocantins (a 90 km de Mateiros e 150 km de Novo Acordo) também servem como base para visitar outros atrativos.

Por: Redação

Tags: Japalão, Mateiros