Polí­tica

Foto: Divulgação

Assumindo a vaga deixada pelo vereador Iratã Abreu (PSD), que solicitou licença, Carlos Braga (PMDB) tomou posse nesta quinta-feira, 05, na Câmara de Vereadores de Palmas. Iratã se licenciou por 120 dias para tratamento de saúde.

Em seu pronunciamento de posse, Carlos Braga destacou o trabalho realizado na Casa nestes últimos dois anos do vereador Iratã e enfatizou o seu compromisso de honrar o cargo que assume.

“Estou aqui para colaborar”, destacou o vereador lembrando que assume a cadeira no legislativo municipal por terceiro mandato, com plena consciência da importância do papel do vereador como fiscal da sociedade, legislando para o povo e em benefício do município.“O mais importante de tudo é estarmos mais próximo da sociedade, tendo condições de elaborar leis para melhorar a nossa cidade e a vida do cidadão”, disse.

O presidente da Câmara, Rogério Freitas (PMDB) destacou a contribuição que Carlos Braga dará ao parlamento. “Vossa excelência contribuirá significativamente para o fazer legislativo e eu tenho certeza que a convivência com Vossa Excelência enriquecerá a todos nós no legislativo”, disse.  “É uma satisfação muito grande, tê-lo como par, tê-lo com o companheiro independente da condição parlamentar”.

Os vereadores Adão Indio (PSL), Hiram Gomes (PSDB) e Joaquim Maia (PV) deram as boas vindas a Carlos Braga. Júnior Geo (PROS) enfatizou ser uma honra ter Carlos Braga no parlamento pela experiência de vida e política do vereador, sentimento este sentimento compartilhado pelo vereador Claudemir Portugal (PPS) e por João Campos (PSC). Etinho Nordeste (PROS)  finalizou afirmando que o parlamento só tem a crescer com a presença de Carlos Braga. 

Perfil 

Natural de Mairipotaba – GO, Carlos Braga começou sua vida pública como prefeito de Mara Rosa-GO. No Tocantins, entre outras funções, foi presidente da Fundação Santa Rita de Cássia, secretário de Governo do Município nas gestões de Eduardo Siqueira Campos e Nilmar Ruiz e secretário de Governo do Estado na gestão de Carlos Gaguim.