Polí­tica

Foto: Divulgação

O orçamento estadual deste ano foi aprovado na quarta-feira, 18, por unanimidade pelos deputados estaduais. O Conexão Tocantins fez um levantamento de como os 24 deputados estaduais distribuíram suas emendas parlamentares. Maioria das emendas é para a área do Esporte (pelo menos 44) depois a área da Agricultura (pelo menos 30) e em terceiro a Cultura (28 emendas). Após estas três áreas o maior número de emendas foi para contemplar outros órgãos e poderes como Ministério Público Estadual, Tribunal de Contas e Tribunal de Justiça. A área da Infraestrutura fica em quinto lugar, seguido pela área da Saúde e depois Turismo. Na área da Educação são sete emendas e na Habitação pelo menos seis. A pasta da Segurança Pública recebeu apenas duas emendas porém há algumas indicações de deputados para a construção de promotorias, por exemplo, porém foram destinadas para o MPE. A Unitins recebeu quatro emendas totalizando mais de R$ 1 mi para a instituição.

Cada parlamentar teve direito de indicar R$ 2,5 milhões para obras, serviços e eventos e como está em vigor o orçamento impositivo, que obriga o Executivo a pagar as emendas ao longo do ano, a expectativa dos parlamentares é que as emendas sejam liberadas. O valor total das emendas é de R$ 60 milhões. 

A deputada do PT, Amália Santana distribuiu o valor em nove emendas sendo a maior no valor de R$ 700 mil para adequação, qualificação e revitalização das funções sociais de zonas urbanas e rurais, a segunda maior de R$ 500 mil para estruturação do segmento sol e praia. Ela indicou ainda valores para apoio à famílias agroextrativistas e uma para melhoria de estradas vicinais.

O deputado Amélio Cayres (SD) também dividiu o valor em nove emendas, a maior foi de R$ 515 mil para distribuição de materiais à população em vulnerabilidade social. Ele destinou R$ 224 mil para o Fundo de Saúde para aparelhamento das unidades da rede de atenção á saúde e uma emenda de R$ 50 mil para construção de edificações públicas.

O deputado Cleiton Cardoso (PSL) apresentou seis emendas sendo quatro no valor de R$ 500 mil, três delas para promoção e apoio a eventos e a outra para melhoria de estradas vicinais.

Da sete emendas apresentadas o deputado Eduardo do Dertins (PPS)  destinou R$ 1,6 mi para a pasta de Habitação para revitalização das funções sociais de zonas urbanas e rurais. Outras duas emendas foram para a área da Cultura e mais duas para a área da Agricultura.

Meio milhão para a Unitins e R$ 1 milhão para aparelhamento de unidades de saúde foram as duas maiores emendas do deputado estadual Eduardo Siqueira Campos que apresentou cinco ao todo. As outras foram nas áreas de cultura, agricultura e Turismo.

O deputado Elenil da Penha  apresentou oito emendas e a maior dela contempla apoio à associações e cooperativas no valor de R$ 1,2 mi. Ele dividiu as outras em apoio a eventos, aparelhamento de orquestra, aquisição de ônibus dentre outras.

As cinco emendas do deputado estadual Eli Borges contemplam áreas diferentes mas três tem o maior valor : R$ 600 mil e contemplam o Fundo Estadual sobre drogas, o de saúde e apoio á associações.

Jorge Frederico subdividiu o valor em 13 emendas e as duas maiores de R$ 400 mil são para estruturação de praia e apoio de evento á juventude. Ele destinou duas emendas para a área da Educação, duas para a Saúde, duas para a Segurança Pública e uma para a cultura.

Dez emendas foram apresentadas por José Bonifácio do PR e ele contemplou outros órgãos além do governo estadual como R$ 90 mil para o Tribunal de Contas e R$ 280 mil para a construção de promotorias. A maior emenda do parlamentar foi de R$ 550 mil e foi destinada para aquisição de ônibus para a secretaria de Esporte.

O deputado Junior Evangelista apresentou  12 emendas sendo a maior de R$ 650 mil para a área de cultura, três  emendas são para a área da infraestrutura e duas para a área da Saúde dentre outras na área social.

Luana Ribeiro apresentou seis emendas a maior delas de R$ 900 mil é para a área da Infraestrutura para construção de edificações públicas. As áreas de saúde, Agricultura, Infraestrutura e Cultura também foram contempladas pela parlamentar.

Mauro Carlesse do PTB apresentou nove emendas a maior é de R$ 500 mil para estruturação do segmento sol e praia ele contemplou ainda a área de agricultura, esporte, cultura e outros.

A maior emenda do deputado Olyntho Neto foi no valor de R$ 550 mil para a área da Saúde dentre as 12 emendas apresentadas por ele. O parlamentar apresentou outras duas de R$ 500 mil para a área de Esporte e Cultura.

O presidente da Casa de Leis, Osires Damaso (Democratas) apresentou 11 emendas sendo a maior de R$ 350 mil para a área da cultura além de outras R$ 300 mil para a área social, turismo e também social. Uma das emendas do parlamentar no valor de R$ 200 mil para o Tribunal de Justiça.

O líder do governo, Paulo Mourão (PT) apresentou 14 emendas sendo a maiores de R$ 350 mil para a área da Habitação e R$ 330 mil para o apoio ao desenvolvimento do esporte de alto rendimento. Ele beneficiou ainda o Tribunal de Justiça com R$ 100 mil e o MPE com R$ 200 mil.

Onze emendas foram apresentadas pelo deputado Ricardo Ayres (PSB) que dedicou maior parte, R$ 1,3 milhões, para apoio á Cultura. Ele beneficiou ainda  a perfuração de poços artesianos, a Unitins, Agricultura e outras áreas. O deputado Rocha Miranda (PMDB) apresentou oito emendas a maior delas R$ 900 mil para a área de habitação e destinou ainda R$ 300 mil para a Unitins e meio milhão para a Cultura.

Das seis emendas apresentadas pelo deputado Toinho Andrade (PSD) a maior delas de R$ 1 milhão foi para a melhoria de estradas vicinais e outras duas de R$ 500 mil para agricultura e cultura. Já Valdemar Junior (PSD) das nove emendas a maior de R$ 1 milhão foi destinada à  Cultura e outras duas de R$ 400 mil foram para a área de esporte e apoio a eventos religiosos.

Das doze emendas da deputada Valderez Castelo Branco apresentadas na LOA  a maior delas no valor de R$ 772 mil foi destinada para apoio a evento agropecuário ela contemplou ainda as áreas de Esporte, Ruraltins e Agricultura além de destinar R$ 100 mil para o MPE, R$ 200 mil para o TJ e R$ 200 mil para TCE.

A maior emenda do deputado Vilmar do Detram (SD)  no valor de R$ 1 mi será para a melhoria de estradas vincinais já Wanderlei Barbosa apresentou nove emendas  a maior delas de R$ 800 mil para melhoria das estradas vincinais e outras para várias áreas. O deputado José Roberto Forzani (PT)  destinou R$ 880 mil para a área da Agricultura e mais R$ 600 mil para apoio á associações e cooperativas.