Campo

Foto: Divulgação

Com empreendimentos nos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Goiás, o grupo agropecuário Pau D’Alho, vai investir no Tocantins, na região do município de Goianorte, a 241 quilômetros de Palmas. Nesta terça-feira, 24, os sócios proprietários do grupo foram recebidos na Capital pelo governador Marcelo Miranda para discutir os trâmites legais de instalação da unidade tocantinense de plantio e armazenamento de grãos, como também na produção de ração animal. 

A previsão é que, até 2017, a empresa possa gerar entre 50 e 100 empregos diretos, com qualificação da mão de obra local.

Para Marcelo Miranda, os investimentos no Tocantins refletem o interesse da classe produtiva em direcionar a produção agroindustrial para uma nova região do Brasil. “Ficamos muito entusiasmados. O Estado quer ser parceiro de todos que pretendem investir, gerar renda, empregos e qualificar a nossa gente”, ressaltou. 

De acordo com o sócio proprietário do grupo, o empresário Artur Villas Boas, a intenção é direcionar o plantio de grãos integrados à pecuária, como também na produção de ração animal. “Estamos muito satisfeitos. Nós realizamos um mapeamento de diversas regiões do Brasil e identificamos aqui no Tocantins a logística necessária para construção de silos, investir no melhoramento de solos, sem falar no regime hídrico da região que é bastante propício”, ressaltou.

Ainda de acordo com o empresário, a mão de obra local será aproveitada com os treinamentos e as qualificações necessárias. “Vamos investir na qualificação, para que os nossos colaboradores possam manusear máquinas e equipamentos modernos e de alta tecnologia. Acreditamos, com isso, que vamos gerar bons salários e melhorar o poder aquisitivo da região”, garantiu. (Secom-TO)

Por: Redação

Tags: Artur Villas Boas, Marcelo Miranda