Estado

Foto: Divulgação

Na Comarca de Palmas, a 2ª Vara dos Feitos das Fazendas e Registros Públicos comemora o fim dos trabalhos de digitalização do acervo físico remanescente. Uma equipe formada por quatro estagiários virtualizou o total de 1.220 processos.

Para o juiz Océlio Nobre, que atualmente responde pela Vara, “o Judiciário tocantinense continua firme no seu processo de modernização e com isso o cidadão ganha com a celeridade e a transparência”.

A escrivã Claudia Bizinotto Kertsz de Oliveira agradeceu o empenho de toda a equipe envolvida durante as atividades. "O processo de digitalização só foi possível graças ao empenho dos que não mediram esforços para transformar volumosos processos físicos em eletrônicos e com a dedicação dos técnicos judiciários que concluíram o trabalho", afirmou.

A estagiária Isabela Sandes Del Castanhel destacou a importância de ter colaborado com a ação. “A conclusão do trabalho de digitalização foi de grande importância para o cartório e com sua efetivação, nós estagiários pudemos colaborar e ter mais contato com os processos, obtendo conhecimentos jurídicos desejados para um bom estágio. Mas primordialmente sua importância foi para a população que acompanhará virtualmente seu processo, e obterá resultados mais céleres da justiça tocantinense", concluiu.