Estado

Foto: Divulgação

No início da tarde desta quarta-feira, dia 03 de junho, as entidades representativas dos servidores públicos estaduais protocolaram a resposta à proposta apresentada para pagamento da data-base. A proposta foi apresentada pela Comissão de Análise de Impacto de Pessoal sobre os Recursos Financeiros do Estado no final da tarde de terça-feira, dia 02. Na manhã de hoje os Sindicatos e Associações dos Militares tiveram nova reunião conjunta para fazer uma análise da proposta apresentada.

A resposta está no Ofício Conjunto nº 14/2015 que foi protocolado na Secretaria de Estado da Administração (Secad), ao presidente da Comissão Geferson Oliveira Barros Filhos. Os representantes dos servidores mantiveram a exigência do pagamento, em parcela única, na folha de maio do corrente ano, obedecendo-se os termos da legislação em vigor e aplicando-se o índice de 8.3407%, do piso ao teto, referente ao INPC acumulado nos últimos 12 meses.

As entidades criticam o fato do Governo do Estado, até o momento, não ter apresentado os dados que demonstram a incapacidade financeira do Estado , além das medidas que estão sendo adotadas para efetiva redução de gastos.

Na próxima segunda-feira, dia 08, às 17 horas, na Secretaria do Planejamento, haverá nova rodada de negociação entre Governo e Sindicatos.

Segundo o Sisepe, assinaram o ofício, as seguintes entidades: NCST, Sisepe, Sintras, Seet, Sindiperito, Sintedit, Sindare, Sinpef, Sicideto, Sinpol, Sindepol, Sindifiscal, Aopmeto, Asmir, Asspmeto e Apra.

Por: Redação

Tags: Data Base, Sisepe