Palmas

Foto: Divulgação

Cerca de 250 pessoas integrantes da Federação das Associações Comunitárias e de Moradores do Tocantins (Facomto) e de mais cinco entidades participaram na manhã deste domingo de uma manifestação, em protesto à regularização de uma área localizada na Quadra 309 Norte, na Capital.

O grupo saiu do supermercado Quarteto Norte, seguiu pela Avenida LO-10 até a área na 309 Norte, próximo à Praia das Arnos.

 Segundo a líder do movimento Veneranda Elias, explicou ao Conexão Tocantins em entrevista nesta segunda-feira, 22, que a área foi doada no ano de 2012 na gestão do ex-governador Siqueira Campos quando seis entidades foram contempladas. “ Doaram a área mas não liberaram a escritura para os movimentos. Liberaram no governo passado para outros como o Sebrae por exemplo mas para nós os movimentos não”, disse.

Veneranda conta que já está em diálogo com a atual gestão estadual para discutir o impasse e na semana passada os representantes foram recebidos pela governadora em exercício, Claudia Lelis. “Estivemos com a Claudia e ela se comprometeu a se empenhar para mandar o processo o mais rápido possível para a Assembleia votar. Queremos pressionar para que a liberação da escritura seja votada antes do recesso parlamentar”, disse.

Segundo informou os movimentos o processo está pronto, a construtora já está contratada e até as famílias já foram cadastradas faltando apenas a liberação da escritura. “ Serão cerca de 2200 unidades de moradias para seis movimentos”, contou a líder.

Por: Redação

Tags: Facomto, Veneranda Elias