Economia

Foto: Divulgação

A partir dessa sexta-feira, 3 de julho, equipes técnicas da Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor no Tocantins (Procon) estarão nas maiores ou mais badaladas praias tocantinenses fazendo orientação aos consumidores e também fiscalizando o atendimento e fornecimento de produtos e serviços.

Aqueles que se sentirem violados em seus direitos nas praias quanto a aquisição de serviços e produtos estarão cientes e direcionados a procurar o Procon pelo telefone 151 ou uma das suas unidades no Estado.

Os fornecedores de produtos e serviços que atuarão nas praias já foram orientados pelo Procon por meio de palestras em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), o Instituto de Terras do Tocantins (Ruraltins), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a Vigilância Sanitária.

De acordo com o gerente de Pesquisa e Cálculo do Procon, José Santana Júnior, o objetivo foi levar esclarecimento quanto aos direitos e deveres dos consumidores que frequentam praia. “A ação de educação para o consumo nas praias, dessa vez voltada para os fornecedores, está um passo à frente no trabalho de garantir a aplicação das normas legais”, esclarece o gerente.

Foram contempladas as cidades com maior visibilidade na época de veraneio, como Araguacema, Caseara, Araguatins, Tocantinópolis, Pau D’Arco, Pedro Afonso e Peixe, que finalizou esta primeira etapa iniciada em maio.