Polí­cia

Foto: Divulgação Suspeitos de tráfico são presos Suspeitos de tráfico são presos

Após frequentes registros de denúncias acerca de pontos de venda e armazenamento de entorpecentes em Palmas, a Denarc, sob o comando do delegado Guilherme Rocha Martins, deflagrou a operação Notívagos, cumprindo diversas buscas e apreensões na Capital.

Desde o início do mês de julho, com o comprimento de determinações judiciais, já foram realizadas quatro prisões. Sabrino da Silva Feitosa e Jhon Elvis Sousa de Araújo foram presos no dia primeiro, enquanto Higor Sanches Santos e Andressa da Silva Conceição, nesta terça-feira, 07. Segundo as investigações, estes estariam traficando na quadra 1106 Sul, Alameda 30, Lote 45. No local, a Polícia Civil (PC) encontrou pedras de crack, comprimidos de êxtase, cocaína, maconha e diversos aparelhos celulares e eletrônicos, além de quantia em dinheiro.

De acordo com o delegado Guilherme Rocha, com a determinação do Secretário de Segurança Pública (SSP), mais buscas deverão ser cumpridas nos próximos dias, no intuito de reduzir os índices do tráfico de drogas na Capital. Os envolvidos responderão pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas, nos termos dos artigos 33 e 35 da Lei nº 1.1343/06. Eles foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Palmas, ficando à disposição da Justiça.

Operação Notívagos

O nome “Notívagos” vem do termo biológico relacionado a seres que possuem vida noturna.  Como todos os endereços do tráfico de drogas apresentam movimentação de usuários no período noturno e da madrugada, “Operação Notívagos” é o nome deste tipo de ação de deflagração de pontos de venda de entorpecentes.