Palmas

Foto: Divulgação

O secretário Nacional de Políticas do Turismo, Júnior Coimbra, recebeu nesta quirta-feira (23), o presidente da Agência de Turismo de Palmas (TO), Cristiano Rodrigues, no Ministério do Turismo, em Brasília. Na pauta da audiência, foram propostas melhorias de infraestrutura turística à capital tocantinense.

Entre os pleitos de Cristiano está a formulação de um estudo para viabilizar o lazer do lago formado pela usina hidrelétrica de Lajeado. A ideia é que o projeto seja feito em parceria com o Ministério e priorize a sustentabilidade, beneficiando os municípios dos arredores, como Palmas, Lajeado, Brejinho de Nazaré, Ipoeiras, Porto Nacional, Miracema e Tocantínia. “É possível ampliar o potencial turístico na região, o que vai favorecer a regionalização - iniciativa apoiada pelo Ministério”, afirma Coimbra.

A criação de uma unidade móvel para atender turistas também foi proposta por Cristiano. O projeto será analisado e pode ser implementado a partir de outubro, quando Palmas sedia o primeiro Jogos Mundiais Indígenas, que acontece entre os dias 23 de outubro e 1º de novembro. 

Palmas é um destino voltado ao turismo de negócios. Entre os eventos da capital estão o carnaval Palmas Capital da Fé, o Festival Gastronômico do Distrito de Taquaruçu, o Natal dos Sonhos e a Páscoa dos Sonhos. A capital tocaninense é planejada e tem um conjunto arquitetônico robusto. Entre os atrativos, destacam-se passeios de barco e pranchas pelo Lago de Lajeado, além de atividades de ecoturismo nas trilhas, vales e cachoeiras.