Saúde

Foto: Divulgação

Preocupada com a saúde e o bem estar da população, a Secretaria de Saúde de Colinas do Tocantins através do Departamento da Vigilância Sanitária – Visa - realiza um trabalho constante de inspeções sanitárias capazes de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde.

A Vigilância Sanitária de Colinas tem intensificado as inspeções de rotina em estabelecimentos comerciais e pontos de alimentação sendo responsável por ações que visam proteger e promover a saúde da população, através de vistoria a estabelecimentos diretamente ou indiretamente relacionados à saúde; acompanhamento de indicadores sanitários e de qualidade do funcionamento dos estabelecimentos. Durante as visitas, alguns itens são analisados pelos profissionais a depender dos riscos que possam trazer a saúde das pessoas, tais como, riscos ambientais;riscos ocupacionais; riscos sociais; riscos iatrogênicos (decorrentes de tratamento médico e uso de serviços de saúde) e riscos institucionais.

O Órgão também oferece esclarecimento e informação através de ações educativas e apoio técnico aos cidadãos, na intenção de minimizar o número de autuações e a expedição de multas para que todos possam atuar em suas empresas com tranquilidade e segurança. Em Colinas, estabelecimentos comoaçougues, ambulantes, bares, buffet, lanchonetes, mercearias, panificadoras, restaurantes, supermercados, self service, churrascarias, lojas de conveniência, verdurarias, distribuidoras de bebidas, distribuidora de produtos alimentícios, sorveterias, feira livre, escolas, creches e vários outros, deverão receber os serviços de inspeção da Vigilância Sanitária.

O diretor da Vigilância em Saúde, Francisco Altemar Dutra enfatiza que a fiscalização é intensa e a maior preocupação é com a saúde e bem-estar das pessoas. “O trabalho de vigilância sanitária é extenso e essencial para todos os cidadãos. Por isso, é de suma importância que este órgão e a população estejam sincronizados nesse trabalho que é fundamental para o bem de todos, na prevenção de riscos para a saúde pública”. Há dois tipos de Inspeção Sanitária: a de rotina e a por denúncia. Em ambas são lavrados Termos de Inspeção em que são constatadas todas as necessidades de adequação conforme Legislação Federal (Lei nº 6437/77), sendo dado o prazo máximo de 30 dias para as possíveis adequações. Até o momento já foram inspecionados 180 estabelecimentos. Quanto às apreensões, foram 1.500 quilos de produtos impróprios para o consumo, além de 800 litros de produtos inadequados.

Dutra acrescenta ainda que a Vigilância Sanitária deve ser entendida como de responsabilidade de muitos, inclusive da própria população que precisa se apoderar de conhecimentos básicos sobre os riscos sanitários para que possa contribuir no processo de melhoria das condições sanitárias de sua comunidade. “A Vigilância tem um papel importante na disseminação do saber sanitário com enfoque nos riscos à saúde, as ações educativas fazem parte das ações fiscalizatórias com utilização de abordagens pedagógicas pelos inspetores sanitários”. A Vigilância Sanitária de Colinas do Tocantins fica localizada na Avenida Tocantins, nº 1835 – Centro, e disponibiliza o telefone (63) 3476-7033 para o recebimento de denúncias ou esclarecimentos de dúvidas, de segunda à sexta, de 7hs às 11hs e das 13hs às 17 horas.