Educação

Foto: Divulgação

Algumas escolas da capital estão sem o quadro de professores completo para este segundo semestre, segundo informações ao Conexão Tocantins. A Escola Municipal Maria Julia, é uma delas. “Comunicamos aos senhores pais que em virtude do fim dos contratos, ainda há falta de alguns professores, por isso fizemos um horário especial. Nesse horário algumas turmas ficarão sem aulas ou serão liberadas mais cedo”, informa comunicado encaminhado pela escola.

O comunicado informa ainda que uma das turmas da escola citada acima não terão aulas às terças e sextas-feiras além disso sairão às 16 horas na segunda-feira e às 16h45min nas quartas e quintas-feiras.

O texto aos pais da escola diz ainda que a situação vai ser normalizada em breve com a contratação dos professores, porém não estima prazo.

A situação pegou muitos pais de surpresa e também o Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sintet) em Palmas. “Vamos fazer reunião com os professores da região sul na Escola Eurídice de Melo para abordar as carências”, disse o presidente Joelson Pereira. Segundo ele, as creches também estão em processo de “precarização”.O sindicato confirmou a falta de professores na escola citada e averígua o problema em outras unidades.

O encontro com todos os professores da rede municipal de ensino da capital será às 19 horas e a intenção é ouvir as reclamações e carências das escolas para cobrar da prefeitura.

O Conexão Tocantins solicitou informações à Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de Palmas sobre a falta de professores nas escolas e aguarda o posicionamento.

A Prefeitura de Palmas através de nota alegou que o funcionamento da Unidade Escolar acontece normalmente, atendendo todas as turmas em seus respectivos horários porém a própria pasta admite a falta de profissionais. “A Semed ressalta que está sendo finalizado as modulações, por isso, algumas Unidades podem apresentar deficit de profissionais, oriundos de licença médica. Porém, todos os deficit já estão sendo sanados com o resultados das modulações”, disse.

Confira abaixo a íntegra da nota.

A Secretaria Municipal da Educação (Semed) esclarece que nenhuma turma da Escola Municipal Maria Julia está ou ficará sem aula. A Pasta afirma que o funcionamento da Unidade Escolar acontece normalmente, atendendo todas as turmas em seus respectivos horários.

A Semed ressalta que está sendo finalizado as modulações, por isso, algumas Unidades podem apresentar deficit de profissionais, oriundos de licença médica. Porém, todos os deficit já estão sendo sanados com o resultados das modulações.

A Pasta esclarece ainda que o comunicado extra-oficial divulgado e assinada pela equipe de supervisão pedagógica da Escola Municipal Maria Julia, onde afirma que alunos de algumas turmas ficariam sem aulas e que seriam liberados, não procede. A Pasta ressalta que o funcionamento da Escola acontece normalmente, atendendo todas as turmas em seus respectivos horários.

A Semed afirma que desconhece tal comunicado e que já está apurando os responsáveis por divulgar informações falsas, tomando assim as medidas administrativas cabíveis. (Matéria atualizada às 09h39min)