Polí­tica

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Araguaína deu início, no último dia 14, à construção da Escola de Tempo Integral (ETI) do Setor Vila Azul. A obra está sendo viabilizada graças à atuação da deputada Professora Dorinha (Democratas/TO) junto ao Governo Federal, que, a pedido do prefeito Ronaldo Dimas, conseguiu a liberação de R$ 12.222.114,33. Com a contrapartida do município de R$ 2.027.902,16, o investimento total da obra é de R$ 14.250.015,49.

Segundo informações da prefeitura municipal, o prazo de execução da obra é de 420 dias, a partir do seu início.

Estrutura

A escola terá 19 salas de aula, dois laboratórios de informática, duas salas de música, dois laboratórios de línguas, uma sala de multiuso, um laboratório físico/químico, um laboratório biológico. Além disso, também terá salas de preparo químico, para coordenação, para descanso para professores e a sala específica para esses profissionais e secretaria.

A unidade ainda terá sala de arquivo; biblioteca; auditório; salas de dança, de artes marciais, de primeiro socorros, para coral e consultório odontológico. Para a iniciação esportiva, a escola também terá uma piscina semiolímpica com arquibancada; ginásio com duas quadras poliesportivas, arquibancada e palco; um campo de futebol society.

Serão oferecidas 1.500 vagas do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Além das aulas curriculares normais, no contra turno serão realizadas atividades esportivas (atletismo, natação, futebol society, futsal, vôlei, handebol, basquete, jogos de tabuleiro e xadrez), culturais (teatro, música, dança e coral), língua estrangeira, informática, artes marciais e experiências em laboratórios de física, química e biológica; além de aulas em laboratórios de filosofia e de reforço. A escola contará com aproximadamente 90 servidores, incluindo docentes, administrativo, pessoal de apoio, psicólogo, fonoaudiólogo e auxiliar de enfermagem.

Mais recursos da Professora Dorinha para Araguaína

Dorinha também fez gestão para a liberação de recursos que ultrapassam R$ 35 milhões para construção de unidades de educação infantil, quadras de esporte e escolas nas zonas rural e urbana, além da ETI Vila Azul, e também para o turismo.

As creches são para os setores Jardim dos Ipês III, São Miguel e Universitário. As quadras escolares são para as ruas Rio Lontra, Francisco M. Couto, Rua das Hortênsias, Estrela do Oriente e Avenida São Francisco. Já as escolas são no Assentamento Manoel Alves, Povoado Pilões, Assentamento Paraíso, Monte Sinai e Araguaína Sul. Também há escolas Polo UAB, Novo Horizonte e Projeto Assentamento Rio Preto. Esses projetos somam mais de R$ 24 milhões.

Além disso, a prefeitura já iniciou as obras do parque ecológico Cimba, liberado pelo Ministério do Turismo no valor de R$ 2 milhões. Outra obra importante naquele município e que conta com a atuação da parlamentar no valor de  R$ 16.820.985,49 para construção de biblioteca, fábrica de ração e aviário, complexo laboratorial e infraestrutura da Universidade Federal do Tocantins.

Outras escolas com apoio da Professora Dorinha:
Escola de Tempo Integral no Setor Camargo - R$ 13.336.296,45
Escola de Tempo Integral no Setor Universitário - R$ 12.222.114,33
Construção de quadra na Rua Rio Lontra – R$ 509.916,89
Construção de quadra na Rua Francisco Couto – R$ 509.855,79
Construção de quadra na Rua das Hortênsias – R$ 509.874,46
Construção de quadra na Rua Estrela do Oriente – R$ 244.955,44
Construção de quadra na Rua do Colégio com Av. São Francisco – R$ 184.729,60 
Escola infantil no Loteamento Maracanã – R$ 1.421.937,93
Escola infantil no Jardim dos Ipês III – R$ 1.422.555.81
Escola no Povoado Pilões – R$ 942.648,00
Escola no Assentamento Manoel Alves – R$ 1.021.956,00
Escola no Projeto Assentamento Paraíso – R$ 1.021.956,00
Escola no Monte Sinal – R$ 1.021.956,00
Escola no Araguaína Sul – R$ 3.534.000,00