Economia

Foto: Dirceu Leno

O prefeito Fabion Gomes (PR) solicitou ao Governo do Estado que o município de Tocantinópolis integre o plano de ações nas áreas de logística e desenvolvimento industrial. Para contemplar este empreendimento, uma área de 50 mil² e investimentos que beiram os R$ 10 milhões e quatro grandes empresas em processo de produção e outras tantas na lista de espera integram o projeto.

Fatores como a localização e grandes empresas já existentes na cidade formam a conjunção positiva à solicitação junto ao Executivo Estadual a fazer um estudo para implantação de um distrito industrial em Tocantinópolis.

Recentemente, técnicos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) estiveram na cidade para dar início ao processo, cujo próximo passo será avaliar se o plano diretor do município permite a instalação do distrito na área disponível.

Em caso afirmativo, serão iniciados os procedimentos legais de desapropriação e estudos geológicos para implantação das empresas. Das indústrias já presentes na cidade, duas são produtoras de ração animal, uma de mobiliário e outra de distribuição de móveis. Juntas, elas agregam uma arrecadação significativa para o município e movimentam a economia local.

Para o prefeito Fabion Gomes a iniciativa é viável, pois o município de Tocantinópolis está localizado em uma área geograficamente propícia ao desenvolvimento industrial. “Tocantinópolis poderá ser um dos municípios que receberá a construção de um dos portos e armazéns da Hidrovia Tocantins, com isso a possibilidade de expansão dos distritos industriais será muito grande e a cidade só tem a ganhar com a concretização deste grande projeto”, destaca Fabion.

“Levar o desenvolvimento industrial ao interior do Estado é uma das prioridades da atual gestão. A Sedetur vai dar todo o suporte técnico e buscar as parcerias que forem necessárias para atingir o máximo desse objetivo”, afirmou o diretor de Desenvolvimento Econômico, Eremilson Leite.