Palmas

Foto: Divulgação Categorias estão insatisfeitas com cortes Categorias estão insatisfeitas com cortes

O presidente da Associação dos Servidores Públicos do Município de  Palmas Integrantes do Sistema Confea, Crea, CAU/BR, Roberto Campos Pinto e o do Sindicato dos Engenheiros, Arquitetos e Geólogos no Estado do Tocantins- Seageto, Antônio Ciro Bovo publicaram Edital de convocação para os filiados para discutirem o Plano de Carreira das Categorias e possível indicativo de greve das categorias.

As Assembléias Extraordinárias serão realizadas  no auditório do Crea-TO nos dias 15 e 17 de setembro de 2015. A pauta será a  discussão do PCCS da categoria por motivo de cortes nos vencimentos salariais dos profissionais.

Os engenheiros estão insatisfeitos com os cortes salariais realizados pelo prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB). As entidades chegaram a decidir procurar a Prefeitura de Palmas para solicitar a revogação da medida que corta gratificação de engenheiros e arquitetos servidores municipais. De acordo com a presidente do CAU/TO, Joseísa Furtado, a gratificação, que atualmente era de R$ 1.934,50, a título de indenização de transporte,  foi uma conquista das categorias  de engenheiros e arquitetos ainda em 2007,  para que seus salários se igualassem ao piso nacional.

As instituições querem a permanência da gratificação até dezembro próximo e a incorporação da mesma a partir de janeiro de 2016.

Por: Redação

Tags: Crea, Prefeitura de Palmas, Seageto