Saúde

Foto: Dirceu Leno

A infecção pelo HPV é a principal responsável pelo câncer do colo de útero, por este motivo, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde de Tocantinópolis comunica à população, que já está disponível em todos os Postos de Saúde do município a segunda dose da vacina contra o HPV. A vacina é destinada a meninas na faixa etária de 9 a 13 anos.

A Secretaria Municipal de Saúde informa ainda que as Unidades Básicas de Saúde funcionam de 7h30 as 17h30, de segunda à sexta-feira. Vale ressaltar que as equipes dos Postos de Saúde estarão realizando ao longo da campanha a vacinação nas escolas do município. A vacina contra o HPV consiste em três doses. No Sistema Único de Saúde, o esquema é estendido, em que a segunda dose é aplicada seis meses depois da primeira e a terceira dose apenas após cinco anos da primeira.

A imunização contra a doença acontece após a conclusão do esquema. A vacina contra o HPV protege contra quatro tipos de câncer de colo útero, os mais frequentes entre as mulheres, dos 150 existentes.

Vacinação nas Escolas

Na manhã desta quinta-feira 24, a equipe da Unidade Básica de Saúde da Policlínica esteve imunizando as meninas de 9 a 13 anos, do Centro Educacional Nossa Escolinha, situado no Alto da Boa Vista I, em Tocantinópolis. A previsão é que todas as escolas do município recebam esta ação em prol da prevenção contra do HPV.

Vírus

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual. Também pode ser transmitido da mãe para filho no momento do parto. Estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que 290 milhões de mulheres no mundo são portadoras da doença, sendo 32% infectadas pelos tipos 16 e 18.

O HPV – vírus do papiloma humano, do inglês –, traz dados alarmantes: segundo o Ministério da Saúde, 137 mil novos casos são registrados por ano no Brasil. Esse vírus é tido como o responsável por 90% dos casos de câncer de colo do útero, além de atuar como protagonista em casos de câncer de pênis. Ele é o principal responsável por inúmeras doenças da região genital - que compreende colo, vagina, vulva e ânus nas mulheres e, nos homens, pênis e ânus. Assim como as verrugas na região genital e da boca, os cânceres causados pelo vírus do papiloma humano são recorrentes: no colo do útero, vulva, pênis e pele.