Cultura

Foto: Manoel Junior Durante o desfile, foram exibidas biojoias, acessórios e souvenires que expressam as raízes da região Durante o desfile, foram exibidas biojoias, acessórios e souvenires que expressam as raízes da região
  •  As artesãs Elisangela Ribeiro Amâncio e Ronilda Martins trouxeram biojoias para o lançamento da coleção Xambiart

Na noite dessa quinta-feira, 24, os arcos de entrada da 11ª Feira de Folclore, Comidas Típicas e Artesanato do Tocantins (Fecoarte) serviram de cenário para o desfile de lançamento da coleção de biojóias Xambiart, uma realização do Sebrae, que contou com o apoio da Secretaria da Educação (Seduc) e da Secretaria Estadual da Cultura (Secult) .

Artesãos do Bico do Papagaio trouxeram quinze diferentes modelos de biojoias, além de objetos decorativos, que refletem a identidade cultural das comunidades e foram apresentados em vitrines vivas para visitantes e artesãos que prestigiaram o desfile.

Criadas, produzidas e confeccionados pela Cooperativa dos artesãos de Xambioá (Xambioart), as biojoias são feitas com sementes como jarina, considerada o marfim da Amazônia, babaçu, açaí, coco, entre outros materiais, como a madeira. Uma das artesãs que desenvolvem esse trabalho, Elisangela Ribeiro Amâncio, afirma que os materiais utilizados são encontrados na própria região em que vivem. “Utilizamos sementes e materiais da Amazônia e do nosso cerrado, além de peças que agreguem valor ao nosso artesanato, como o capim dourado”, explicou.

As peças de beleza única são resultado de capacitações e consultorias realizadas pelo Sebrae junto à cooperativa. A coordenadora da carteira de artesanato do Sebrae, Celina Soares, afirma que a Fecoarte é uma oportunidade para geração de renda para os artesãos. ”Acredito muito em exposições como a Fecoarte, pois é um espaço que promove uma maior visibilidade dos produtos”.

A coordenadora de economia criativa da Secult, Gilceia Medeiros, diz que o apoio da Secretaria é essencial para a valorização do artesanato produzido no Estado. “Essa é mais uma parceria proveitosa entre Secretaria da Cultura e Sebrae É muito importante parcerias como essa para a divulgação dos trabalhos de artesãos do nosso Estado, pois temos uma diversidade imensa de materiais e de peças produzidas que precisam ser vistas”, ressaltou.

A artesã Ronilda Martins diz estar muito feliz com o desfile e com a exposição das peças na Fecoarte. “Para a gente isso aqui é muito importante. Já adquirimos vários clientes e temos várias encomendas de pessoas de vários lugares que visitaram nosso estande aqui na Feira e conheceram nosso trabalho”. (Matéria atualizada às 09h45min)