Campo

Foto: Divulgação

O Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) participa de concurso nacional que vai premiar as melhores práticas de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), voltadas para a agricultura familiar e reforma agrária. O concurso é promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e tem por objetivo identificar, sistematizar e compartilhar experiências inovadoras, com contribuição comprovada.

Para participar do processo seletivo o Ruraltins constituiu uma comissão interna que vai avaliar as Boas Práticas de Ater que serão inscritas. De acordo com o gerente de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ruraltins, Edmilson Rodrigues, membro da comissão, essa é uma ótima oportunidade de compartilhamento de ações que vem promovendo o desenvolvimento do homem do campo.

“É um momento que nós técnicos temos de mostrar as experiências de sucesso junto ao agricultor familiar, e o concurso vai dá visibilidade, pois as experiências selecionadas aqui no Estado poderão ser replicadas em nível estadual”, explicou, informando ainda, que a comissão interna tem representantes das áreas de agroecologia, agricultura orgânica, ambiental, chamada pública e grandes culturas.

Os extensionistas podem realizar as inscrições das experiências exitosas até o dia 19 de outubro. Nos dias 21 e 22 será feito a seleção das experiências que serão inscritas na etapa estadual. Essa comissão, por sua vez, tem a responsabilidade de julgar as boas práticas que vão para a etapa nacional.  As melhores práticas serão apresentadas, em dezembro, no Seminário Nacional de Ater, em Brasília.