Educação

Foto: Divulgação

Bruno Soares, 21 anos, estudante do 4º período de Direito do Centro Universitário Unirg, será um dos tocantinenses selecionados para participar do Parlamento Nacional da Juventude Pela Água (PNJA). Ao todo, foram escolhidos 33 jovens em todo o Brasil, sendo apenas dois do Tocantins.

A posse do aluno será na assembleia geral do Parlamento que será realizado entre os dias 20 a 22 de novembro, em Brasília. Como parlamentar, Bruno participará também, nos dias 22 a 27, do Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos. O objetivo do Parlamento é gerar documentos e fomentar a educação ambiental em relação aos recursos hídricos, tudo isto para chegar em 2018 e representar o país no Fórum Mundial.

De acordo com a presidente da Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRH), Jussara Cabral, os jovens participantes serão os facilitadores na criação de parcerias para desenvolver atividades no âmbito local, regional e nacional, além de atuarem na formação de novas lideranças em benefício das águas.

Segundo o estudante, ele passou a ter interesse pela temática por morar em uma região rica em recursos ambientais. “Sou da Lagoa da Confusão e sempre me vi atraído pela causa. Mesmo não sendo estudante da área, pretendo me especializar em Direito Ambiental. Com essa participação quero representar minha cidade para que o mundo conheça nossas riquezas, além de defender nossa região que também sofre com a escassez da água”, relatou.

Soares disse ainda que assim que assumir o parlamento, seu trabalho será voltado irá colaborar para solucionar algumas situações da região. “A ideia é inserir essas discussões entre a juventude, pois somos o futuro e se não preocuparmos agora não teremos água saudável. Precisamos saber a importância da preservação já que são poucos jovens envolvidos pela causa”, avaliou. 

O acadêmico destacou também sua participação em um evento nacional. “É um privilégio poder representar meu estado, minha região e a Unirg em um evento grandioso como esse. Receber o carinho e reconhecimento dos colegas e professores servem de estímulos para acreditar ainda mais no que estou defendendo”, finalizou.

Além de Bruno, o estudante da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Gedheon Lamartine também estará representado do Estado.

O Parlamento existe em vários países e essa será a primeira vez no Brasil. A iniciativa da seleção é da Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRH) inspirada no modelo nacional do World Parliament for Water para reunir e promover a participação dos jovens brasileiros na gestão de recursos hídricos, bem como o engajamento dos mesmos no 8º Forúm Mundial da Água, em Brasília, em 2018.

Por: Redação

Tags: Bruno Soares, Unirg