Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado estadual Paulo Mourão (PT) cancelou os exames que estava se submetendo para tratamento de saúde em São Paulo e retorna ainda nesta sexta-feira, dia 6, a  Porto Nacional para participar do velório do motorista e amigo Vandick Apolinário, carinhosamente conhecido pelo apelido de Vovô. Segundo sua assessoria, Paulo Mourão recebeu a notícia com muita tristeza e ficou emocionalmente abalado. “É lamentável que esse fato tenha ocorrido, ainda mais de uma forma tão trágica”, declarou.

Vovô que tinha 57 anos, foi encontrado morto, supostamente por atropelamento, na noite desta quinta-feira, dia 5, por volta das 22h, as margens da TO-050, na entrada de Porto Nacional, cidade onde morava. "É um momento de grande dor, saber que não teremos mais a presença desse amigo e companheiro de todas as horas, que por cerca de 10 anos esteve ao nosso lado, compartilhando de nosso ambiente familiar", lembrou Mourão. “Que Deus possa confortar os nossos corações, bem como de sua família e amigos”.

O deputado antecipou que irá pedir empenho da Polícia Civil para que as circunstâncias da morte de Vovô sejam esclarecidas. "Vamos pedir à polícia que apure os fatos, já que ainda não há nenhuma prova de como ocorreu à morte de Vovô", afirmou.

O corpo está sendo velado na funerária Santo António, no setor Vila Nova. O sepultamento acontecerá neste sábado, 7, às 9h da manhã, no Cemitério Nossa Senhora das Mercês em Porto Nacional.