Estado

Foto: Divulgação

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) deve ser uma entidade representativa e de referência à sociedade. Para tanto, é necessário que os advogados, profissionais que estão ligados à Ordem, sejam ouvidos e que haja participação com sugestões, com parcerias e principalmente com muito diálogo. Nessa premissa, Gedeon Pitaluga e os membros da Chapa OAB Para Todos, que estão na disputa para a presidência da Ordem, têm dedicado tempo para visitar e conversar com toda a classe jurídica do Tocantins. Oportunidade de abrir espaço de participação dos advogados em assuntos de interesse coletivo e a serem pautados na OAB, e também de resgatar o papel social da OAB na liderança nas lutas democráticas da sociedade brasileira, incentivando a plena cidadania.

Com o entendimento da seriedade da Ordem e da relevância de estar presente junto aos advogados privados e públicos, o grupo da Chapa OAB Para Todos visitou nesta terça, 10, escritórios de advocacia, os Correios, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), a Companhia Imobiliária do Estado do Tocantins (TerraPalmas) e a Defensoria Pública do Tocantins (DPE) para apresentar as propostas de representação qualificada e fortalecimento da advocacia. Na Defensoria Pública do Estado, a chapa OAB Para Todos visitou os gabinetes dos Defensores Públicos e destacou a proposta de se criar um canal permanente e qualificado com o órgão para regulamentação conjunta da atuação profissional dos defensores públicos. Em todos os lugares, o grupo reafirmou o compromisso franco, democrático e aberto nas reivindicações de conquistas para o setor.  “A Defensoria Pública recebe de maneira bastante positiva esse posicionamento do Gedeon, capitaneando toda essa diretoria. Vejo com muita tranqüilidade essa postura dele em afinar o discurso com a Defensoria Pública e estreitar as relações com a instituição, e sobretudo, tentar fortalecer os laços que, no passado, foram muito bem construídos e deram frutos bastante positivos, sobretudo na gestão do Ercílio. Vejo como uma continuidade dessa postura de estreitamento institucional e que visa, basicamente, fortalecer todo sistema de justiça, colocar a Ordem num alto patamar de causas sociais e como a grande porta-voz das instituições, sobretudo da advocacia pública no qual está inserida a Defensoria Pública”, destacou o defensor público geral do Estado, Marlon Costa Luz Amorim.

Nos Correios, Gedeon Pitaluga ressaltou a importância do comprometimento classista no pleito da Ordem e conclamou a proximidade, por meio parcerias estreitadas. “Nós queremos apresentar uma proposta diferenciada, de renovação representativa, baseada numa trajetória classista de mais de dez anos. Não se faz um avanço de gestão só na situação, mas numa mudança com segurança, nós queremos avançar mais, trazer a renovação representativa e experiência institucional. Toda nossa chapa tem esse mesmo perfil e esse mesmo propósito, de uma Ordem qualificada e representativa, atuando em todas as áreas de reivindicação, porque entendemos que é papel da OAB. Queremos uma Ordem próxima institucionalmente dos Correios, e de todas as outras instituições, porque a OAB não é fragmentada, ela representa a advocacia brasileira”, afirmou o candidato.

Propostas OAB Para Todos

Nas visitas foram destacadas a proposta de criação da Comissão dos Advogados Corporativos, interlocução intransigente e qualificada junto ao poder judiciário para garantir honorários sucumbenciais dignos para o advogado, o aperfeiçoamento dos processos judiciais eletrônicos, a apresentação da proposta do código de organização judiciária e a eficiência da prestação jurisdicional.

Por: Redação

Tags: Defensoria Pública, Gedeon Pitaluga, OAB