Palmas

Foto: Divulgação

O Diário Oficial de Palmas traz a exoneração do secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Alves Teixeira. Em seu lugar o secretário executivo da pasta, Whisllay Maciel Bastos foi nomeado pelo prefeito Carlos Amastha (PSB). A exoneração foi a pedido.

O secretário esteve recentemente na Câmara de Palmas quando foi questionados por vários vereadores sobre os problemas na área. Pressionado pelos vereadores ele tentou defender a gestão dos recursos da saúde: “O que está sendo feito é sem dúvida o melhor. Estamos trabalhando para oferecer uma saúde com mais qualidade em todos os sentidos, desde a estrutura, o acesso e o atendimento”, afirmou na ocasião.

Os vereadores questionaram sobre a  distribuição dos plantões entre os enfermeiros e médicos das Unidades de Pronto Atendimento, a demanda reprimida por consultas especializadas além de cobrarem melhorias na gestão de pessoal na área. 

Na ocasião Teixeira afirmou haver um déficit orçamentário na gestão dos programas em saúde de R$ 55 milhões, que estariam sendo financiados pelo município. Conforme o relatório, de janeiro a agosto de 2015 deste ano, a receita do município na área da saúde foi de cerca de R$ 103 milhões. Deste total, R$ 54,6 milhões foram custeados pelo município e 43,7 milhões pelo Governo Federal.

Em fevereiro do ano passado Teixeira deixou o comando da Fundação Cultural onde esteve à frente por 14 meses, e começou a substituir o ex-secretário Nicolau Esteves na saúde.