Educação

Foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) dessa segunda-feira, 4, o resultado final do processo seletivo para preenchimento de vagas e cadastro reserva de professor e instrutor-monitor bolsista, que atuarão no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc). No total, a Pasta disponibilizou cerca de 400 vagas para professores e instrutores trabalharem no programa.

Ao todo, a Seduc ofertou, no ano de 2015, 1.500 vagas, distribuídas em 47 cursos de formação inicial continuada e 18 cursos técnicos. Em dezembro de 2015, a Seduc realizou aula inaugural dos cursos. A partir do dia 18 de janeiro, as aulas terão continuidade em todas as diretorias em que os cursos são ofertados.

Os interessados em atuarem em cursos técnicos em Araguaína ainda têm até a próxima sexta-feira, 8, para efetuarem as matrículas através do Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (Sistec). Em Palmas, as inscrições online para cursos técnicos também estão abertas e seguem até o dia 12 deste mês.

A coordenadora do Pronatec na Seduc, Lúcia Lopes, ressaltou a importância do preenchimento das vagas, tendo em vista o mercado de trabalho. “Esta é uma grande oportunidade para as pessoas se capacitarem para a inserção no mercado de trabalho. A Seduc está ofertando cursos técnicos, muitos deles com salários equivalentes a cursos de nível superior. Por isso, pedimos para que os tocantinenses aproveitem essa oportunidade de profissionalizarem-se”, afirmou.

Em parceria com o Ministério da Educação, a Seduc, por meio do Pronatec, pretende trabalhar demandas profissionais diversificadas, como as da Secretaria de Estado de Turismo (Sedetur), Secretaria de Estado da Cultura (Secult), Secretaria do Trabalho e da Assistência Social (Setas), Centros de Referência de Assistência Social (Cras), Sistema Nacional de Empregos (Sine), Vale Mineradora (VLI - MG), bem como as demandas da própria Seduc.

Pronatec

Criado em 2011 pelo Governo Federal, através da Lei 11.513/2011, o Pronatec tem o objetivo de ampliar, expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica no Brasil. O programa acontece em três modalidades: oferta de ensino técnico, para quem está matriculado no Ensino Médio, oferta de ensino técnico, para quem concluiu o Ensino Médio e Formação Inicial e Continuada ou qualificação profissional, para jovens e adultos que buscam a oportunidade de melhorar sua formação.

Financiados pelo Governo Federal, os cursos do Pronatec são ofertados de forma gratuita, por instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e das redes estaduais, distritais e municipais de educação profissional e tecnologia, além de instituições do Sistema “S”.

Por: Redação

Tags: Pronatec, Seduc, Setas, Sine