Estado

Foto: Cleide Veloso Quase 300 segurados permanecem com os benefícios bloqueados Quase 300 segurados permanecem com os benefícios bloqueados

Com a publicação da Portaria 30/2016 no Diário Oficial do Estado (DOE) nº 4541, há cerca de 30 dias, foi divulgada a lista com os nomes dos 1.189 segurados do Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Tocantins (Igeprev-TO) que não realizaram a prova de vida, dentro do prazo. Desses, 899 beneficiários já buscaram as unidades de atendimento previdenciário e efetuaram a regularização de seus cadastros.

Com a formalização do não-comparecimento dos segurados ao recadastramento, o Instituto efetuou o bloqueio do pagamento dos benefícios não-atualizados. O diretor de Previdência do Igeprev-TO, Ary Reis, disse que o Instituto ainda tem a expectativa de reduzir muito mais os cadastros pendentes, nos próximos dias. “Ainda nos restam cerca de 290 benefícios a serem regularizados, sendo destes 139 inativos e 151 pensionistas, mas todos os dias esse número tem reduzido”, pontuou Reis.

Ao regularizar o cadastro, o benefício de janeiro/2016 é disponibilizado em até 48h, na conta do titular. Os valores referentes a fevereiro/2016 e demais meses, são incluídos até o fechamento da folha do mês corrente. Caso ultrapasse o prazo, passa a ser incluso na folha de pagamento do mês seguinte.

O Igeprev informa que o horário de atendimento no órgão em Palmas é das 7h30 às 18h30. Mas é possível buscar a regularização via correios, com o auxilio do link Recadastramento no Porta do Segurado do endereço eletrônico www.igeprev.to.gov.br e nos postos de atendimento do ÉPráJá de Araguaína e Gurupi.  Os segurados podem também entrar em contato gratuitamente pelo 0800-647-0747.

Por: Redação

Tags: Ary Reis, Gestão Previdenciária, Igeprev