Saúde

Foto: Heitor Iglesias

Com objetivo de capacitar profissionais de saúde para que estes possam oferecer atenção e assistência integral ao idoso no que se refere aos aspectos sociais, políticos, assistenciais e de saúde, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) em parceira com o Ministério da Saúde, realiza nesta quarta e quinta-feira, 30 e 31, a Oficina Estadual de Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa. A ação acontece a partir das 8 horas na Escola Tocantinense do Sistema Único de Saúde (Etsus). 

A responsável pela Diretoria de Atenção Primária da Sesau, Gilian Cristina Barbosa, explica que por meio de ações como essa se espera que o idoso receba um cuidado mais qualificado, seguro, ético e comprometido com a política pública dirigida para as pessoas idosas. “Vamos formar profissionais com novas maneiras de ser e agir em saúde, vislumbrando a multidimensionalidade do processo de envelhecimento”, reforçou.

Durante a oficina serão abordados temas como o processo de envelhecimento, impacto da violência na saúde do idoso, Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa, doenças com maiores prevalências, cuidados de longa duração, cuidados paliativos e outros.

O encontro vai contar com a participação de diversos especialistas de renome nacional a exemplo do médico e assessor da Coordenação de Saúde da Pessoa Idosa do Ministério da Saúde, Wendel Rodrigo Teixeira Pimentel, que vai abordar o processo de envelhecimento.

A oficina acontece por meio do convênio firmado entre a Sesau e o Ministério da Saúde. Esta parceria já proporcionou seminários, oficinas e cooperações técnicas, e capacitou 960 profissionais e cuidadores de idosos das regiões de saúde do Estado sobre o processo de envelhecimento.