Polí­tica

Foto: Divulgação

Na capital do Mato Grosso, onde participa do II Fórum de Governadores do Brasil Central de 2016, o governador Marcelo Miranda também prestigiou a abertura da Feira Internacional do Turismo Pantanal, realizada na manhã desta quarta-feira, 20. Na oportunidade, Marcelo Miranda enalteceu o turismo do Tocantins, ao enfatizar que o Estado tem atrativos encantadores. Paralelo ao evento, está sendo realizado encontro da Zona de Integração do Centro Oeste Sul Americano (Zicosur).

“Sem querer desmerecer as belezas do Pantanal, o Tocantins tem atrativos peculiares: a exemplo das regiões do Cantão, Jalapão, região dos lagos e de serras gerais, dentre outras”, disse o governador. Ele aproveitou a oportunidade para sugerir um roteiro integrado com o turismo entre os estados que compõem o Brasil Central, de forma a comercializá-los no exterior. “Isso, certamente, fortalecerá a nossa economia e trará resultados satisfatórios para todos os envolvidos”, pontuou.

Para Marcelo Miranda, é motivador prestigiar um evento de representatividade para o turismo. “A proposta de reunir, difundir e comercializar diferentes produtos turísticos para uma clientela nacional e internacional faz da FIT um evento completo. As belezas naturais e os atrativos histórico-culturais deste estado serão potencializados”, ressaltou. Em seguida, defendeu a proposta do evento. “Inserir o destino Pantanal no calendário internacional de turismo é um exemplo a ser seguido: especialmente por nós, gestores que compomos o Fórum de Governadores Brasil Central".

Com o tema Turismo: um grande negócio, a intenção do Governo do Mato Grosso é inserir o potencial turístico do estado no calendário internacional de negócios. Tem ainda a proposta de projetar novos roteiros, fomentar operadores nacionais e internacionais, principalmente da América do Sul, e consolidar a feira como espaço comercial de produtos e serviços turísticos da região central do Brasil e da América do Sul.