Estado

Foto: Divulgação

O Governo do Tocantins cumpriu sua meta de divulgar o Estado para atrair a agroindústria na 23ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, a Agrishow 2016. Iniciada na segunda-feira, 25, a exposição se encerrou nesta sexta-feira, 29, resultando em boas perspectivas de negócios. Nesta edição, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura (Seden) esteve à frente do estande, com uma ação focada em atrair agroindústrias para fortalecer o setor.

“A avaliação é extremamente positiva, na medida em que os objetivos de identificarmos parceiros institucionais foram cumpridos. Fizemos bons contatos e, certamente, novos desdobramentos virão deste trabalho de atratividade de novos parceiros para o Tocantins”, avaliou o gestor da Seden, Alexandro de Castro.

Reuniões com o presidente do Sistema Abimaq - que engloba a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, o Sindicato Nacional da Indústria de Máquinas (Sindimaq) e o Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Máquinas e Equipamentos (IPDMac) -  entidade realizadora da  Feira – Carlos Pastoriza; e com o diretor-executivo da Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda), David Roquetti Filho, são exemplos do trabalho de atração de indústrias realizado ao longo da Agrishow.

“Também tivemos diversas pessoas interessadas em conhecer e entender como devem fazer para produzir no Tocantins. Inclusive, recebemos visitas de pessoas que já têm terras e estão trabalhando para produzir no Estado. Precisamos agora acompanhar e fazer com que esses frutos que vislumbramos aqui possam crescer e dar resultados”, explicou o secretário.

Além da equipe da Seden, técnicos da Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária  e representante da Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Faet) participaram da exposição apresentando aos visitantes todo o potencial de crescimento e investimentos do Tocantins.