Geral

Foto: Clifton Morais Renato Luiz Costa, acompanhado da irmã, aguarda alta do Hospital de Gurupi Renato Luiz Costa, acompanhado da irmã, aguarda alta do Hospital de Gurupi

O morador de rua Renato Luiz Costa, de 45 anos, que estava em Gurupi desde 2012 vai voltar a morar com a família depois de 20 anos fora de casa. A irmã dele, Rosana Costa, o encontrou depois de um trabalho de resgate e investigação da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) em Gurupi.

Foram quase 72 horas de viagem da cidade de Ministro Andreazza, Rondônia, até Gurupi. O reencontro emocionou Rosana. “Ver meu irmão nessa situação foi triste, mas o que acalma meu coração é que ele está vivo e recebendo os devidos atendimentos no Hospital Regional de Gurupi. Agora é organizar a papelada e esperar a liberação para recomeçar uma nova vida com ele”, disse a irmã. 

No início de março, equipes do Hospital Regional de Gurupi, juntamente com o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS I) e SAMU, resgataram Renato das ruas. Ele foi encaminhado ao hospital onde foi medicado, mas acabou saindo da unidade. Agora ele voltou ao hospital, onde está com a irmã, aguardando para voltar à cidade de origem.