Polí­cia

Foto: Divulgação

Nesta terça-feira, 24, policiais do Serviço de Inteligência do 6º Batalhão e do Quartel do Comando Geral da Polícia Militar (PM), em conjunto com militares do serviço operacional ordinário, prenderam um dos assaltantes, de 22 anos, envolvido no roubo a uma residência na Quadra 606 Sul, em Palmas.

A prisão aconteceu momentos depois do crime, quando uma das vítimas acionou a PM informando sobre o rastreamento de um dos celulares levados. Imediatamente, os militares fizeram o levantamento de informações e localizaram o preciso local de onde vinha o sinal do aparelho. No endereço, os policiais prenderam o indivíduo e apreenderam o produto do roubo e uma arma de fogo, tipo revólver calibre 38, provavelmente utilizada no crime.

Segundo a vítima, três homens adentraram a residência por meio de um buraco no muro deixado pelo pedreiro, que fazia obras no local. Os autores aproveitaram a vulnerabilidade da propriedade e fizeram os residentes reféns, levando aparelhos eletrônicos, joias, celulares e objetos pessoais, os quais em sua maioria foram recuperados pela PM.

O acusado informou ainda a identidade dos outros dois participantes do roubo, sendo que se trata de reeducandos da Unidade de Regime Semiaberto (URSA), da Capital. Um deles, de 24 anos, responde pelo crime de roubo (art. 157, parágrafo 2°, incisos I e II do Código Penal), o outro, de 21 anos, cumpre pena por tráfico e associação para o tráfico de drogas (art. 33 e 35 da Lei 11.343/2006 – Lei de Drogas).

Os policiais militares conduziram o autor e os objetos recuperados para a Delegacia de Polícia Civil, bem como apresentaram as informações a respeito dos demais envolvidos, que de acordo com investigações preliminares, são os mesmos que realizaram assalto à residência de um vereador da Capital.

Por: Redação

Tags: Polícia, Polícia Militar