Polí­cia

Foto: Ascom SSP Suspeito de homicídio foi preso pela Polícia Civil no extremo norte do estado Suspeito de homicídio foi preso pela Polícia Civil no extremo norte do estado

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Praia Norte, no extremo norte do estado, prendeu, na tarde da última segunda-feira, 7, Franceilton Alves de Vasconcelos, de 26 anos, principal suspeito pelo homicídio que vitimou Raimundo Alves Pinto, no dia 6 de março deste ano, na zona rural daquele município. Franceilton Alves foi capturado, em cumprimento a um mandado de prisão temporária, expedido pelo poder judiciário da Comarca de Augustinópolis.

Conforme o delegado regional Eduardo Morais Artiaga, responsável pelas investigações sobre o caso, na noite do dia anterior ao crime, a vítima estava ingerindo bebida alcoólica, na companhia de uma amiga em um bar localizado no Povoado Centro do Moacir, na zona rural de Praia Norte, quando Franceilton, juntamente com um amigo, chegou ao local, sentou em outra mesa e apenas observou o casal, nada fazendo naquela ocasião.

No decorrer das investigações, os policiais civis descobriram que o suposto autor já tinha tido um envolvimento amoroso com a mulher que estava com Raimundo Alves e, ao ver os dois juntos, teria sido tomado por ciúmes.

Naquele mesmo dia, por volta das 9hs da noite, a vítima saiu do local e nunca mais foi vista com vida, tendo seu corpo sido encontrado com várias perfurações de faca, por populares, no início da manhã do dia seguinte, em uma estrada vicinal. Ao tomar conhecimento dos fatos, a Polícia Civil iniciou as investigações, constatando que todos os indícios apontavam para Franceilton como sendo o autor do homicídio.

Foi apurado que Franceilton Alves se escondeu na estrada, esperou pela passagem da vítima e a atacou, desferindo vários golpes de faca, pelo seu corpo e, em seguida fugiu.  

Com base nas investigações, o delegado Eduardo Artiaga representou pela prisão temporária do suspeito, a qual foi deferida pelo juízo da Comarca de Augustinópolis e cumprida, na tarde da última segunda-feira.

Após os procedimentos cabíveis, Franceilton foi encaminhado à cadeia pública de Augustinópolis, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário. (Ascom SSP)