Cultura

A viagem histórica pelo Projeto Arte Sesc com a exposição “Carlos Vergara Viajante: Experiências de São Miguel das Missões”, termina nesta quinta-feira, dia 23 de junho. A exposição foi aberta no dia 1º de junho deste ano na unidade do Sesc Parque Primavera, em Gurupi. A visitação, gratuita, pode ser feita até esta data entre as 8h e as 22h.

Apresentando os olhares do artista plástico Carlos Vergara sobre a cidade gaúcha de São Miguel das Missões, onde se encontra o Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo, a exposição propõe um diálogo entre a obra contemporânea do artista e as ruínas jesuítas. Vergara chegou a residir no local para relembrar a experiência das missões jesuíticas do período e que tinham o objetivo de catequizar e civilizar os indígenas da região.

A mostra, uma confluência de tempos e olhares, é retratada por meio de cinco monotipias (impressão em tecidos), um vídeo, duas pinturas e seis fotografias em 3D (montagens). O objetivo do artista foi o de revelar um cenário de convivência de diferentes formas de crenças, culturas e civilizações, e que resultou no conflito entre a imposição da fé cristã aliada ao pensamento europeu e a questão do espaço de existência dos guaranis, os indígenas da região. 

Uma realização do Departamento Nacional do Sesc, o ArteSesc foi criado em 1981 com o propósito de levar a produção nacional para todas as regiões do país. “O grande objetivo do ArteSesc é divulgar a produção brasileira, permitindo o acesso a obras de relevância para a história da arte brasileira”, frisou o promotor em Artes Visuais do Sesc Tocantins, Vone Petson.

Depois de Paraíso e Gurupi, a exposição segue para Porto Nacional, ainda sem data definida.