Polí­tica

Foto: Divulgação Aplicativo tem sua fanpage no Facebook Aplicativo tem sua fanpage no Facebook
  • Aplicativo mostra que Irajá Abreu foi o que mais gastou

Lançado no final do ano passado, o aplicativo Meu Deputado que disponibiliza uma lista com o nome, foto, informações sobre despesas dos parlamentares, presenças em sessões e votos em matérias, referentes a todos os parlamentares federais do País a partir de informações obtidas no Portal da Transparência e Câmara dos Deputados começa a popularizar-se. 

O aplicativo traz uma série de funcionalidades que permitem ao internauta acompanhar os deputados federais com apenas alguns toques. É possível também comparar o comportamento dos deputados além de acessar um ranking com filtros personalizados que permite visualização dos maiores gastos mensais dos parlamentares em cada área.

Todas as informações disponibilizadas no aplicativo são públicas e atualizadas mensalmente no banco de dados do aplicativo.

Parlamentares do Tocantins 

Fazendo-se uma consulta sobre os parlamentares do Tocantins, de acordo com informações correspondentes ao mês de junho, pode-se constatar no aplicativo que o deputado Irajá Abreu (PSD) foi o que apresentou despesa mais elevada, de R$ 65.761,34 entre os parlamentares tocantinenses, seguido pela deputada Josi Nunes (PMDB), com gasto de R$ 38.455,72.

Irajá Abreu consta ainda como o mais faltoso nas sessões do mês de junho, juntamente com a deputada e primeira-dama do Estado, Dulce Miranda (PMDB). De 19 sessões, ambos só compareceram em 8. Os deputados mais presentes nas sessões, segundo o aplicativo foram Carlos Gaguim (PTN) e Lázaro Botelho (PP), que estiveram nas 19 sessões do mês de junho. 

Entre as matérias importantes as quais os deputados tocantinenses participaram da votação, esta a Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves. Nesta matéria os parlamentares Dulce Miranda, Carlos Gaguim, César Halum, Lázaro Botelho, Irajá Abreu e Vicentinho Júnior votaram a favor. Josi Nunes votou contra. 

Projeto do Aplicativo

O projeto Meu Deputado,segundo a apresentação do aplicativo, nasceu do "anseio de construção de um Brasil melhor através da informação".

Por enquanto o Aplicativo só está disponível para o sistema IOS do Iphone, o que tem gerado muitos pedidos de usuários de outros sistemas, principalmente do Android. 

O aplicativo tem sua fanpage na rede social Facebook no seguinte link: https://www.facebook.com/meudeputado/

Confira abaixo dados dos gastos, presenças e votação de matérias referentes ao mês de junho, dos deputados do Tocantins fornecidos pelo aplicativo: 

Josi Nunes (PMDB) 

Despesas gerais: R$ 38.455,72

Presenças: 18, de 19

Votações Contra: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; contra Emenda de Troca de Partido - que prevê a perda do mandato parlamentar em caso de troca de partido político durante o mandato; contra o Fim do Voto Obrigatório e Emenda de Terceirização - que permite a terceirização da atividade-fim de empresas e regula regras não previstas para trabalhadores terceirizados. 

Votações a favor: Fim da Reeleição Para o Executivo e a favor da Lei dos Transgêneros - que retira a obrigação de exibir o selo para produtos que contenham alimentos transgênicos. 

Dulce Miranda (PMDB) 

Despesas gerais: R$ 23.361,73

Presenças: 8, de 19

Votações Contra: Fim do voto obrigatório 

Votações a favor: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; Emenda de Troca de Partidos - que prevê a perda do mandato parlamentar em caso de troca de partido político durante o mandato; favor do Fim da Reeleição para o Executivo e a favor da Lei dos Transgênicos - que retira a obrigação de exibir o selo para produtos que contenham alimentos transgênicos. 

Abstenção: Emenda da Terceirização - Permite a terceirização da atividade-fim de empresas e regula regras não previstas para trabalhadores terceirizados. 

Carlos Henrique Gaguim (PTN) 

Despesas gerais: R$ 13.210,49

Presenças: 19, de 19

Votações Contra: #

Votações a favor: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; Emenda de Troca de Partidos; Fim do voto obrigatório; Fim da Reeleição para o Executivo; Lei dos transgênicos e Emenda de Terceirização. 

César Halum (PRB)

Despesas gerais: R$ 37.885,61

Presenças: 17, de 19

Votações Contra: #

Votações a favor: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; Emenda de Troca de Partidos; Fim do voto obrigatório; Fim da Reeleição para o Executivo; Lei dos transgênicos e Emenda de Terceirização.

Lazaro Botelho (PP)

Despesas gerais: R$ 15.786,68

Presenças: 19, de 19

Votações Contra: #

Ausente em momento da votação da seguinte matéria: Fim do Voto Obrigatório 

Votações a favor: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; Emenda de Troca de Partidos; Fim da Reeleição para o Executivo; Lei dos transgênicos e Emenda de Terceirização.

Irajá Abreu (PSD) 

Despesas gerais: R$ 65.761,34

Presenças: 8, de 19

Votações Contra: #

Votações a favor: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; Lei dos Transgênicos e Emenda de Terceirização; 

Matérias em que esteve ausente na votação: Fim do voto obrigatório e Fim da Reeleição para o Executivo. 

Vicentinho Júnior (PR) 

Despesas gerais: R$ 4.533,96

Presenças: 15, de 19

Votações Contra: Fim do Voto Obrigatório 

Votações a favor: Lei da Maioridade Penal - para 16 anos em crimes graves; Fim da Reeleição para o Executivo; Lei dos transgênicos e Emenda de Terceirização. 

Ausente em votação da seguinte matéria: Emenda da Troca de Partido - que prevê a perda do mandato parlamentar em caso de troca de partido político durante o mandato.