Polí­tica

Foto: Divulgação

A candidatura a prefeito da Capital de Sargento Aragão e a vice-prefeito de Luciano de Castro foi registrada pelo Partido Ecológico Nacional (PEN) na tarde desta quinta-feira, 21, no Cartório Eleitoral de Palmas. Os nomes dos dois candidatos foram definidos oficialmente em convenção partidária na quarta-feira, 20, realizada no auditório da Assembleia Legislativa. Além da candidatura a prefeito e a vice-prefeito, o PEN registrou cerca de 30 candidatos a vereador na Capital.

A chapa do partido com candidatos à Prefeitura e à Câmara Municipal foi a primeira registrada na Justiça Eleitoral em Palmas para as eleições de 2016. De acordo com a legislação, os pedidos de registro de candidatos devem ser entregues até às 19 horas do dia 15 de agosto do ano eleitoral. Para participar das eleições os partidos políticos devem ter seu estatuto registrado até um ano antes da eleição e possuir, até a data das convenções, direção constituída na circunscrição em que acontecerá o pleito. A legislação também determina a proibição de registro de um mesmo candidato para mais de um cargo eletivo.

A homologação da candidatura de Sargento Aragão a prefeito e Luciano de Castro a vice-prefeito foi oficializada na convenção partidária, que reuniu centenas de apoiadores, vindos em caravanas provenientes de diversas regiões da cidade. Ao chegar ao local, Aragão foi ovacionado e carregado nos braços por militantes do partido até a entrada da Assembleia Legislativa.   

O candidato a prefeito, em seu pronunciamento, agradeceu o apoio recebido a sua candidatura e afirmou que irá fazer uma campanha limpa, sem conchavos políticos ou negociações espúrias. ¨Quem está aqui hoje nos prestigiando é pelo projeto de gestão que estamos apresentando para administrar a Capital”, disse. “ É por acreditar em nossa história de coerência e determinação na defesa do interesse público”.

Propostas

Entre as principais propostas apresentadas por Sargento Aragão estão a implantação de um hospital de médio porte de urgência e emergência no Jardim Aureny III, a realização de nova licitação para contratar empresa responsável pela coleta do lixo e limpeza urbana e a implantação de um polo têxtil na Capital para fomentar a economia local.

Sargento Aragão afirmou também que se for eleito prefeito determinará que todas as compras feitas pela prefeitura, como material de expediente, uniformes e produtos de limpeza, sejam adquiridas na Capital. “Essa medida terá a finalidade de movimentar o comércio palmense, gerando emprego e renda para quem vive e trabalha em nossa cidade”, explicou.

Sargento Aragão completou afirmando que a segurança pública será prioridade em sua administração e que uma de suas primeiras medidas será a implantação do programa Guarda Quarteirão, que consiste na contratação de pelo menos 400 guardas-quarteirões, que trabalharão diretamente nas quadras fazendo vigilância preventiva.  O candidato afirmou ainda pretende também duplicar a Avenida Teotônio Segurado, entre o Estádio Nilton Santos e o Jardim Taquari.

O candidato a prefeito criticou a atual gestão municipal pela forma que vem investindo o dinheiro público, sem priorizar o que é realmente importante para os palmenses. Vamos investir os recursos disponíveis em ações que realmente tragam benefícios para a população. Jamais vamos autorizar gastos de milhões de reais em patrocínios de filmes, coelhinhos da páscoa ou decoração natalina. Queremos dar oportunidade ao trabalhador de poder encher o peito e dizer, hoje eu moro em Palmas, trabalho aqui  e tenho o que comer ¨, finalizou.