Polí­tica

Foto: Divulgação Uma colisão entre Hilux e carreta resultou na morte de uma pessoa - na BR 153, no dia 24 de julho Uma colisão entre Hilux e carreta resultou na morte de uma pessoa - na BR 153, no dia 24 de julho

Entre os dias 1º a 31 de julho de 2016, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou em todo o Tocantins a Operação Férias do mês de julho. Segundo dados da PRF, foram registrados 68 acidentes, resultando em 96 feridos e 19 mortos. 

Segundo a PRF, embora o efetivo tenha sido reduzido em decorrência da realização das olimpíadas do Rio de Janeiro, a PRF trabalhou buscando reduzir o número de acidentes de trânsito, redistribuindo os policiais em locais e horários de maior incidência de acidentes graves nas rodovias federais, além de intensificar o número de abordagens educativas nos postos de fiscalização. 

As ações, segundo a Polícia Rodoviária Federal, contribuíram para conscientização e reflexão dos condutores sobre a importância da direção defensiva. Em 2015, foram alcançadas 22 pessoas, já em 2016, esse número subiu para 4.124 pessoas.

abordagens educativas 2105 – 22

abordagens educativas 2016 – 4.124

No período foi também registrado acréscimo no número total de acidentes e de acidentes graves. A PRF classifica como graves aqueles acidentes que resultam em pelo menos um ferido grave ou um óbito.

Acidentes 2015 - 63

Acidentes 2016 - 78

Acidentes graves 2015 - 23

Acidentes graves 2016 - 24

Feridos 2015 - 84

Feridos 2016 - 96

Mortos 2015 - 10

Mortos 2016 – 19

O número de óbitos em 2016 foi majorado em detrimento de duas ocorrências de maior relevância. Uma delas ocorreu em Alvorada do Tocantins, no dia 5 de julho, com 5 (cinco) óbitos no mesmo acidente e a outra ocorrida em Wanderlândia TO, no dia 25 de julho, acidente do tipo saída de pista, seguido de capotamento, envolvendo Veículo resultante de homicídio seguido de acidente de trânsito.

No período da Operação, foram priorizadas ações para diminuir a incidência de acidentes relacionados ao excesso de velocidade, à alcoolemia ao volante, ao uso inadequado do cinto de segurança e de dispositivos de retenção para crianças e às ultrapassagens indevidas.

Dos 2.247 testes de alcoolemia realizados, a PRF flagrou 40 condutores dirigindo sob influência de álcool e destes, 6  foram presos por embriaguez ao volante.

No mês de julho a PRF fiscalizou 7.187 veículos, dos quais muitos foram autuados por irregularidades documentais e também por infrações do CTB. Os radares flagraram 305 veículos por excesso de velocidade, o que demostra que muitos não estão convencidos que o excesso de velocidade causa acidentes graves e pode matar.

Para o comparativo dos dados, foi usada a Operação Férias do mês de julho de 2015 realizada entre os dias 1º e 31 de julho de 2015. (Matéria atualizada às 14h27min) 

Por: Redação

Tags: Polícia, Polícia Rodoviária Federal