Meio Ambiente

Foto: Tharson Lopes Naturatins participa de força-tarefa para combater fogo na Serra de Lajeado Naturatins participa de força-tarefa para combater fogo na Serra de Lajeado

Na manhã dessa quinta-feira, 4, o superintendente de Gestão Ambiental do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Natal César Alves de Castro, participou na sede da Defesa Civil, na Capital, de reunião do Comitê de Combate aos Incêndios Florestais. O encontro teve como objetivo o planejamento de uma ação emergencial, para conter focos de incêndio registrados por meio de imagens aéreas na Serra do Lajeado, localizada na região de Palmas.

Segundo o superintendente do Naturatins, é bastante preocupante o fogo naquela área, tendo em vista estarmos ainda em meados do período de estiagem. Outra preocupação do superintendente é relacionada à segurança do Parque Estadual do Lajeado. “O fogo não chegou dentro da Unidade de Conservação, mas isso já é um alerta para combatermos antes que se alastre”. O gestor lembra que devido ao trabalho intenso realizado por equipes do Parque, há três anos não ocorrem focos de calor no interior da Unidade.

Para esta ação emergencial o Naturatins irá disponibilizar os brigadistas que atuam no Parque Estadual do Lajeado para trabalharem nesta região, no sentido de evitar que o fogo se espalhe para a área do Parque e também para a Área de Proteção Ambiental (APA) do Parque. Para reforçar ainda mais as ações de prevenção e combate ao fogo, a fiscalização do Naturatins irá usar o avião do órgão, que é um importante instrumento contra as queimadas.

Como órgão ambiental, a instituição tem o dever de proteger os recursos ambientais. Desta forma o presidente do Naturatins, Herbert Brito, por meio da Portaria nº 162, de 24 de maio de 2016, suspendeu a emissão e vigência das Autorizações Ambientais de Queima Controlada até 30 de outubro de 2016.  Por essa razão disponibiliza equipes de fiscalização em todo Estado para averiguar denúncias.

O Naturatins alerta que, quem for pego colocando fogo será autuado com multa, além de ser preso. Ação que será realizada com o apoio da Polícia Militar. O responsável pelo incêndio também poderá responder por crime ambiental. Para denunciar esse e outros crimes, o cidadão poderá ligar no Disque Denúncia no 0800 63 11 35,  na Defesa Civil, no 199, ou ainda no Corpo de Bombeiros no 193.

Parceiros

A força-tarefa coordenada pela Defesa Civil Estadual, em parceria com o Corpo de Bombeiros, Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), Polícia Ambiental, Exército Brasileiro e Prefeitura de Palmas foi iniciada na manhã desta quinta-feira, 04.