Educação

Foto: Adilvan Nogueira Os cursos são voltados para promover a inclusão de alunos com deficiência auditiva e visual Os cursos são voltados para promover a inclusão de alunos com deficiência auditiva e visual

Fundamental para promover a inclusão de pessoas com deficiência visual e auditiva, a Educação Especial atende, com formações, professores e sociedade em geral. Desta forma, estão abertas, a partir desta segunda-feira, 8, as inscrições para os cursos de Língua Brasileira de Sinais (Libras) e para Braile e Soroban – espécie de aparelho para o ensino de Matemática para pessoas cegas.

As inscrições seguem até o dia 12 para os profissionais da educação e devem ser feitas na Gerência de Educação Especial da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), localizada no Anexo II da Pasta. “O objetivo dos cursos é fornecer aos profissionais da educação uma capacitação que promova a inclusão social de alunos com deficiência”, destacou a gerente de Educação Especial da Seduc, Paola Regina Martins Bruno.

Ao todo, são ofertadas 60 vagas para os cursos, que terão carga horária de 120 horas/aula. Inicialmente, as vagas na formação são voltadas a educadores das redes pública e particular de ensino. “Se, até o dia 12, não tivermos preenchido todas as vagas, iremos abrir as vagas para a comunidade em geral”, destacou. Para este segundo público, as inscrições estarão abertas no período de 15 a 19 de agosto.

De acordo com a coordenação dos cursos, as aulas de Libras serão divididas em três módulos: I – iniciante; II – Intermediário e III – Avançado. As aulas, tanto para a Língua Brasileira de Sinais, quanto para Braile e Soroban têm previsão de início para o dia 22 de agosto. “O número mínimo de alunos para abrirmos a turma é 15”, alertou Paola Martins.

Os interessados em se inscrever nos cursos devem procurar a Gerência de Educação Especial da Seduc, localizada no Anexo II da Pasta, na quadra 103 Norte, Av. JK, Lote 145 – centro. Os documentos necessários para a efetivação das inscrições são as cópias do RG e do CPF. Para mais informações, a Seduc disponibilizou o endereço eletrônico educacaoespecial@seduc.to.gov.br e o telefone 3218 6118 / 6105.

Soroban

O Soroban é uma espécie de ábaco utilizado no ensino de Matemática. Ele serve para desenvolver o aprendizado de pessoas cegas que, ao utilizá-lo, são capazes de realizar qualquer operação, como adição, subtração, multiplicação, divisão, raiz quadrada. Seu uso melhora a concentração e memorização, sobretudo para números, conforma Paola Martins. “Pessoas que sabem Soroban desenvolvem um raciocínio lógico mais apurado”, completou.