Polí­tica

Foto: Divulgação Claudia Lelis  participou de três mobilizações durante o final de semana Claudia Lelis participou de três mobilizações durante o final de semana

A candidata a prefeita da Capital pela “Frente por Palmas”, Cláudia Lelis (PV), participou nesse final de semana de três mobilizações por Palmas. As reuniões tiveram início na sexta-feira, 19, com o lançamento da candidatura ao cargo de vereadora de Laudecy Coimbra (SD), na quadra 105 Norte. No sábado, 20, a candidata esteve na 607 Norte, em reunião inicial da candidatura a reeleição do vereador e presidente da Câmara de vereadores, Rogério Freitas (PMDB). No domingo, 21, a pevista esteve também emmobilização na Vila Agrotins, desta vez, organizada pelo vereador e candidato a reeleição de sua base, Milton Neris (PP).

“Tivemos um final de semana muito proveitoso, com grandes reuniões organizadas por três grandes nomes da nossa base que estão na disputa por uma vaga na Câmara de Vereadores, porém, o mais importante é que o nosso povo atendeu o nosso chamamento e veio em massa participar. Confesso que me emocionei em ver tanta gente disposta a lutar pela transformação de Palmas, a partir de janeiro, vamos retribuir esse carinho e confiança com muito trabalho, vamos devolver Palmas ao seu legitimo dono, o povo”, disse.

Cláudia Lelis falou em gestão participativa. "Vamos fazer uma gestão participativa, e que tenha como prioridade o ser humano e não a arrecadação e os negócios. O lucro da Prefeitura tem que ser o social e não as taxas e multas. Palmas somos todos nós que estamos a muitos anos construindo essa cidade, somos todos que lutamos por mais educação, saúde, projetos sociais, defendeu a candidata”, ressaltando que fará uma gestão que “cuidará da cidade e do povo”.

Vereadores criticam atual gestor 

O vereador, presidente da Câmara de Palmas, Rogério Freitas (PMDB) lembrou, também em discurso, que Cláudia Lelis conhece a realidade de Palmas e que o povo não irá se decepcionar na gestão da Pevista. “Tenho certeza que o povo irá lhe confiar essa oportunidade prefeita Cláudia, e que nosso povo não irá se decepcionar, pois você é daqui e conhece a nossa realidade, temos a obrigação de fazer uma gestão histórica, que priorize as pessoas. Você mora aqui e eu também, não temos para onde fugir como esse aventureiro que está ai e que não respeita as pessoas. Você fará uma gestão história em Palmas, com foco nas pessoas”, destacou.

Já o vereador Milton Neris (PP), destacou sua luta pela regularização fundiária em Palmas e criticou a postura do atual gestor em desclassificar os políticos do Estado. “Temos sido destratados pelo gestor atual, que essa semana usou suas redes sociais para nos chamar de lixo. Ele não conhece a nossa lutar nem a história da nossa cidade, não comeu poeira e nem amassou o barro como nós que construímos essa cidade, vendeu ilusões, enganou o povo e endividou a cidade em mais de um bilhão em empréstimos. Eu quero parabenizar o povo do Taquari pela conquista de seus títulos imobiliários e ao Governo que com muita responsabilidade, mesmo tendo feito todo esforço por meio do trabalho do presidente do Intertins que está, o Júlio Cesar, só divulgou quando a juíza homologou a decisão. Ao contrario do prefeito que saiu por ai buscando mérito na tentativa de enganar o povo mais uma vez”, finalizou, lembrando que seu trabalho pela regularização da Vila Agrotins continua.

A candidata á câmara de Palmas, Laudecy Coimbra criticou, em discurso, a gestão municipal e lembrou que não se pode administrar uma Cidade como se administra um shopping Center e que é necessário respeitar povo. "Aqui mora gente e gente merece respeito", defendeu a candidata, que destacou que Claudia Lelis tem todas as condições de governar Palmas e mudar o rumo da história dessa Cidade.

Presenças importantes como da deputada Federal Josi Nunes (PMDB), do presidente da Agencia de Fomento do Tocantins, Freire Junior e do presidente do Instituto de Terras o Tocantins, Júlio Cesar, além de presidentes de associações rurais, de partidos e militantes da Frente por Palmas, marcaram as reuniões.